Publicada em 09/11/2017, às 10:00

Beto da Silva deixa vitória com suspeita de nova lesão e será reavaliado no Grêmio

Atacante, que passou por problemas no início de 2017, entra e é substituído em vitória sobre a Ponte

Beto da Silva sente o adutor da coxa direita (Foto: Reprodução)

O Grêmio pode deixar Campinas com mais um problema no grupo. O atacante Beto da Silva precisou ser substituído após entrar na vitória sobre a Ponte Preta, nesta quarta-feira, com suspeita de nova lesão muscular. O peruano sofreu com problemas reiterados no início do ano e demorou a engrenar em 2017.

Tanto que soma apenas 12 jogos na temporada. Entrou aos 16 minutos do segundo tempo, na vaga de Jael. E caiu no gramado com dores no adutor da coxa direita. Precisou ser sacado aos 34 minutos e deu lugar ao lateral Leonardo. E revive seu drama particular da temporada, embora não seja exatamente o mesmo músculo dos problemas no início do ano.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



- O Beto tinha um desequilíbrio muscular nas pernas, que foi corrigido com muito trabalho. Retornou, vinha jogando, sentiu novamente uma lesão nova, não era das que o tirou antes. Me parece que foi a virilha, vai ser reavaliado amanhã (quinta) para verificar a extensão da lesão - disse o vice de futebol Odorico Roman.

O problema vem justamente quanto Beto da Silva deslanchava no Grêmio. Na rodada anterior, entrou bem na virada sobre o Flamengo, com direito a assistência para o terceiro gol, após jogada individual. Há algumas rodadas, anotou seu primeiro gol no clube ao garantir a vitória sobre o Fluminense, na Arena. O problema vem quando buscava aparecer para a seleção do Peru, que briga para estar na Copa do Mundo do ano que vem.



Atualmente, no departamento médico, o Grêmio ainda tem o centroavante Lucas Barrios, se recuperando de lesão muscular, e o lateral Cortez, que trata um edema gerado após uma pancada na coxa. Douglas e Maicon estão tratando após cirurgias e não tinham volta prevista para este ano.

O Grêmio chegou aos 57 pontos com a vitória e pulou para a vice-liderança do Brasileirão ao aproveitar derrotas de Santos e Palmeiras na rodada. O Tricolor volta de Campinas no início da tarde de quinta e treina no CT Luiz Carvalho. A tendência é que o time titular volte a jogar contra o Vitória, no Alfredo Jaconi, no domingo.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte