Publicada em 08/11/2017, às 14:29

Valentim pode surpreender e escalar jogador inesperado em 'decisão' contra o Vitória

Sem poder contar com Willian, Borja e Deyverson, treinador pode mandar Palmeiras a campo com Erik no comando do ataque, no Estádio Barradão

(Foto: Jales Valquer/Foto Arena)

O técnico interino Alberto Valentim terá problemas para escalar o Palmeiras no confronto com o Vitória, marcado para as 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira, no Estádio Barradão. Com três desfalques no setor ofensivo, Erik, ainda em busca do primeiro gol na temporada, pode ser titular após três meses.

Artilheiro do Palmeiras na temporada com 17 gols, Willian ainda está em fase de transição física após sofrer edema na coxa direita. Miguel Borja, titular nas últimas três partidas, foi convocado para defender a Colômbia em dois amistosos, enquanto Deyverson precisa cumprir suspensão pela expulsão no Dérbi.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Diante da série de ausências para o comando de ataque, Valentim tem a alternativa de usar Erik como falso 9. O jogador não é titular desde 6 de agosto, quando o time reserva armado por Cuca perdeu por 1 a 0 para o Atlético-PR, pelo Campeonato Brasileiro, no Palestra Itália – na ocasião, ele foi substituído por Deyverson no segundo tempo.

A derrota contra o time paranaense marcou a última exibição de Erik sob o comando do técnico Cuca. O atacante voltou a entrar em campo apenas ao substituir Keno durante a vitória por 3 a 1 sobre o Atlético-GO, já na gestão de Alberto Valentim como interino.

Na temporada de 2017, Erik acumula um total de 15 partidas disputadas e segue em busca do primeiro gol. Com a camisa do Palmeiras, ele contabiliza 47 exibições e três tentos, todos marcados na condição de visitante pelo Campeonato Brasileiro 2016, contra Sport, Internacional e Botafogo.





Contratado pelo Palmeiras com status de promessa após passar pelo Goiás em 2016, Erik nunca embalou com a camisa do clube paulista. Aos 23 anos de idade, o veloz atacante nascido no interior do Pará tem vínculo com o time palestrino até dezembro de 2020.

Dudu, Keno e Roger Guedes completam as opções ofensivas de Alberto Valentim para enfrentar o Vitória. Meias como Guerra e Hyoran também podem ser improvisados no comando ofensivo. Na defesa, a tendência é que Juninho atue como titular na vaga de Yerry Mina, também convocado para defender a Colômbia.

Fonte: Fox Sports
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Palmeiras