Publicada em 07/11/2017, às 15:05

Joga onde der: Aderllan se coloca à disposição para lateral no São Paulo

Zagueiro entrou no lugar de Araruna nos últimos minutos da vitória sobre o Atlético-GO, no sábado, e avisa que pode atuar como lateral-direito enquanto Militão está machucado

(Foto: Érico Leonan/saopaulofc.net)

Aos 42 minutos do segundo tempo, Aderllan entrou no lugar de Araruna e terminou a vitória por 1 a 0 contra o Atlético-GO como lateral-direito. Mas os cerca de sete minutos em campo não foram os primeiros do zagueiro na posição, e ele se coloca à disposição para ajudar o São Paulo, que tem Militão e Bruno machucados no setor.

- Jogar na lateral não é novidade para mim, e o mais importante é estar disponível para ajudar. Quero contribuir sempre, independentemente da posição. Sempre que a comissão técnica precisar, estarei à disposição para contribuir com o São Paulo. Estou muito feliz aqui no clube e espero continuar evoluindo para ajudar nesta reta final de Série A - disse Aderllan, ao LANCE!

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



A possibilidade de atuar em outra função na defesa aumenta as chances de o zagueiro entrar em campo. Emprestado pelo Valencia até dezembro de 2018, o camisa 32, que construiu sua carreira jogando em times de Portugal e Espanha, só tem duas partidas pelo Tricolor: antes do duelo contra o Atlético-GO, tinha participado dos minutos finais do triunfo por 2 a 0 sobre o Flamengo, no último dia 22.

Contra a Chapecoense, nesta quinta, no Pacaembu, Araruna deve seguir como opção na lateral, enquanto Militão segue em tratamento de lesão na coxa esquerda. Bruno, que poderia ser seu concorrente, sofre com dores na região cervical há três meses. Na zaga, Aderllan disputa com Bruno Alves e Lugano caso Rodrigo Caio e Arboleda tenham algum problema.

Independentemente de ser utilizado, Aderllan pede o time focado. O São Paulo subiu para a nona posição, agora com 43 pontos, a quatro da zona de classificação para a Libertadores. Mas a meta de alcançar os 47 pontos para evitar qualquer risco de rebaixamento segue sendo o objetivo principal.

- Nosso momento é muito bom, sem dúvida, mas temos que continuar neste ritmo para garantirmos a permanência do São Paulo na Série A nas próximas rodadas da competição. O mais importante é que estamos confiantes na conquista deste objetivo - disse o zagueiro.

- Evoluímos muito nas últimas semanas, e isso vem dando confiança ao grupo para esta reta final de Série A. Estamos no caminho certo e motivados para as próximas partidas. Essas seis rodadas finais da competição serão decisivas.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- São Paulo e Bahia têm acordo verbal para transferência do goleiro Jean
- Petros elogia Dorival Júnior e pede permanência do chefe no São Paulo
- Lucas Pratto revela lesão e diz estar jogando no sacrifício pelo São Paulo
- Jucilei estipula preço para renovar com São Paulo: 'Empecilho é grana'
- Leia mais notícias sobre São Paulo em www.futnet.com.br/saopaulo

Mais sobre - São Paulo