Publicada em 05/11/2017, às 20:17

Galiotte cita dois erros da arbitragem e diz que vai reclamar na CBF

Arbitragem validou gol impedido de Romero e não expulsou Gabriel, que retornou ao jogo sem autorização após atendimento. Verdão já havia reclamado após duelo com o Cruzeiro

Maurício Galiotte dá entrevista no vestiário da Arena Corinthians (Foto: Fellipe Lucena)

O Palmeiras enviará uma representação à CBF reclamando do árbitro Anderson Daronco e de seus auxiliares, Rafael da Silva Alves e Elio Nepomuceno de Andrade Junior. O clube reclama de dois lances do Dérbi deste domingo, vencido pelo Corinthians por 3 a 2.

- Houve dois lances em que a regra do jogo não foi aplicada. O Romero estava impedido no primeiro gol do Corinthians. Depois, o Gabriel estava sendo atendido e voltou para o campo sem autorização. E ele já tinha amarelo. O pênalti (de Edu Dracena em cima de Jô) eu acho discutível, interpretativo. Mas descumprir a regra em dois lances não pode - disse o presidente Maurício Galiotte.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



De acordo com o dirigente, o Palmeiras já havia reclamado com a CBF após o empate por 2 a 2 com o Cruzeiro, segunda-feira, no Allianz Parque. Naquela partida, Heber Roberto Lopes anulou um gol legítimo de Borja, marcando falta inexistente.

- Faremos reclamação à CBF. Vamos fazer o relatório e mandar o vídeo, como fizemos depois do gol legal do Borja na segunda. Hoje, se o juiz não erra no primeiro gol por um não cumprimento de regra, não sai o segundo gol - completou.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- Suspenso, Prass não enfrentará o Botafogo e dá nova chance a Jailson
- Palmeiras joga mal e perde do Avaí, que segue vivo na luta contra a queda
- Prass diz que terá primeira reunião sobre renovação nesta semana
- Palmeiras já monta elenco de 2018, mas ainda tem um objetivo neste ano
- Leia mais notícias sobre Palmeiras em www.futnet.com.br/palmeiras

Mais sobre - Palmeiras