Publicada em 05/11/2017, às 09:17

Em dez meses no Timão, Gabriel fica perto de marcas de dois anos no rival

Volante atuou em 2015 e 2016 no Palmeiras, atuou em 61 jogos e marcou três gols. No Corinthians, ele já soma 58 partidas e dois gols

Gabriel em ação contra o Palmeiras no primeiro turno (Foto: Luis Moura / WPP)

Após deixar o Palmeiras ao final do seu contrato em dezembro de 2016 e acertar com o Corinthians em janeiro de 2017, o volante Gabriel já está perto de igualar pelo Timão as marcas que teve no rival. E a comparação leva em conta os primeiros dez meses no Corinthians com as duas temporadas em que defendeu o Palmeiras.

Gabriel defendeu o clube alviverde em 2015 e 2016. No primeiro ano, atuou em 40 jogos e marcou dois gols antes de sofrer uma séria no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo. Ele teve de passar por cirurgia em agosto e só voltou a ficar à disposição na temporada seguinte.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Em 2016, Gabriel fez apenas 21 jogos pelo Palmeiras e marcou um gol. Ele também foi atrapalhado por lesão, desta vez na coxa esquerda.

Ou seja, em duas temporadas no Palmeiras, o volante atuou em 61 partidas e marcou três gols. No Corinthians, só nestes primeiros dez meses, ele já soma 58 jogos e dois gols.

- Vim aqui para jogar, ser campeão, fazer história, virar ídolo. Tenho sonhos na minha vida, na minha carreira e estou muito focado para conquistar. Estou em um clube que me abriu as portas, me acolheu muito bem, tem uma estrutura que é uma das melhores do Brasil. Tenho certeza de que fiz a melhor escolha para a minha vida e minha carreira - afirmou Gabriel, em sua apresentação ao Corinthians em janeiro.

Passados dez meses, Gabriel é o terceiro jogador que mais atuou pelo Timão em 2017, atrás de Jô e Cássio. O volante tem contrato com o Corinthians até 2020 e fatalmente multiplicará seus números, a começar pelo reencontro com seu ex-clube, neste domingo, em Itaquera.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte