Publicada em 28/10/2017, às 20:21

Inter é surpreendido, adia meta do acesso para a Série A e dá vice-liderança ao Ceará

Elton, em grande jogada de Lima, faz o gol da vitória do Vozão em pleno Beira-Rio. Colorado frustra 38 mil torcedores e perde chance de alcançar os sonhados 64 pontos

Ceará surpreendeu com gol de Elton (Foto: Futura Press)

A intenção era atingir os almejados 64 pontos, número visto como suficiente para definir o acesso para a Série A do Brasileirão, ainda que sem a exatidão matemática. No entanto, havia um Ceará em grande fase no meio do caminho. O Vozão, nove jogos sem perder na Série B, surpreendeu o Inter em pleno Beira-Rio e frustrou a expectativa dos mais de 38 mil colorados presentes na tarde deste sábado. O gol decisivo no 1 a 0 foi marcado por Elton, após boa jogada individual de Lima.

O resultado levou o Ceará à vice-liderança da Série B, com 58 pontos - o Inter segue líder com 61. Na próxima rodada, o Colorado enfrentará o CRB, no Beira-Rio, na sexta-feira, às 19h15, enquanto o CEará joga no mesmo dia e horário contra o Juventude, no Alfredo Jaconi.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store




Um primeiro tempo sem grande emoção iniciou o duelo no Beira-Rio. Sem a presença de Leandro Damião, o Inter não conseguiu se impor ao Ceará. Teve mais a bola, mas só deu uma finalização no gol de Éverson, em cobrança de falta de D’Alessandro. Antes, Edenílson arriscara um chute desviado de fora da área, sem perigo algum. Elton, por outro lado, não balançou as redes de Danilo Fernandes por pouco, ao chutar de fora da área a centímetros da trave esquerda.

Os primeiros momentos da segunda etapa fizeram os colorados arregalarem os olhos em pleno Beira-Rio. Em contra-ataque puxado por Lima, a bola sobrou para Ricardinho. O meia só não abriu o placar no primeiro minuto do segundo tempo por conta de Danilo Fernandes. A etapa final reforçou o primeiro tempo. O Inter mantinha mais a posse de bola. Mas ainda sem conseguir construir jogadas ofensivas de perigo. Uendel ocupou o campo ofensivo e desferia cruzamentos em sequência, sem ninguém aproveitar. Sasha reclamou de pênalti em dois lances.

Quando o Beira-Rio parecia viver uma pressão do Inter, o banho de água fria. E um golaço do Ceará. Paradoxalmente, em jogada construída a partir de toque de bola. Romário, da meia esquerda, deu passe para Lima dentro da área. O meia, que pertence ao Grêmio, deu um giro de letra sobre Danilo Silva e deixou Elton livre para só empurrar para o gol vazio, aos 16 minutos.



Guto imediatamente colocou em campo Nico López e Camilo e transformou o Inter em uma equipe mais ofensiva para pressionar. Resultado imediato: Éverson salvou o Ceará duas vezes no mesmo lance, aos 23, dois minutos após as substituições. O goleiro ainda faria mais outra defesa em chute de Camilo e se tornou avalista do resultado até aquele momento. O contra-ataque era do Vozão, enquanto o Inter avançava para prospectar o empate.

Os minutos finais mostraram um Inter mais intenso e em busca do gol para igualar o placar. Mas ainda abusando de cruzamentos e sem infiltrações na área do Ceará. O Vozão se segurou e garantiu os três pontos em Porto Alegre

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte