Publicada em 26/10/2017, às 14:14

Arrascaeta? Rafael? Cruzeiro e São Paulo ensaiam troca por Hudson; veja detalhes

Raposa quer ceder atleta para abater valor de compra do volante do Tricolor

Hudson foi importante na conquista da Copa do Brasil pelo Cruzeiro (Foto: Washington Alves/Light Press)

Cruzeiro e São Paulo começam a estreitar a negociação para definir o futuro de Hudson. A Raposa quer a permanência do volante, cujo preço de compra estipulado em contrato é de 1,5 milhão de euros (cerca de R$ 5,7 milhões).

O desejo dos mineiros é ter definitivamente Hudson, valorizado após a conquista da Copa do Brasil. Para isso, a ideia é oferecer jogadores em troca ao Tricolor e abater no preço do atleta. A negociação poderá avançar mais a partir da próxima semana, com a viagem ao Brasil do empresário do jogador, Luciano Couto, que mora na Espanha.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Há nomes na mesa, com opções sendo avaliadas, mas mantidas em sigilo, pois o Campeonato Brasileiro está em andamento. O Cruzeiro quer contar com Hudson na Libertadores de 2018, mas não deseja pagar o valor integral previsto em contrato. Por isso, tenta uma composição envolvendo um jogador.

O volante foi para o time mineiro em troca por Neilton, que já saiu do São Paulo – atualmente está no Vitória. Por outro lado, o lateral-esquerdo Edimar, do Cruzeiro, está emprestado ao Tricolor até o fim da temporada.

A boa relação entre as diretorias permitiu até pedidos ousados dos paulistas, com bom humor, na hora de escolher um atleta dos mineiros. Nomes como Arrascaeta e Thiago Neves, considerados indispensáveis em Minas Gerais, foram pedidos em tom de brincadeira.

O goleiro Rafael, visto no Cruzeiro como uma possível boa moeda de troca em virtude da busca do São Paulo por um atleta da posição, não interessa no Morumbi. A diretoria tricolor de fato quer um goleiro para 2018, mas internamente discute qual seria o jogador de consenso para disputar a vaga de titular.

Seja qual for a opção de Hudson, de ficar no Cruzeiro ou retornar ao São Paulo, o atleta vai querer uma valorização. No ano passado, o clube paulista renovou o vínculo do atleta até o fim de 2019 e sabe que terá de dar um aumento ao jogador em caso de uma volta ao Morumbi.

Adaptado em Belo Horizonte, Hudson disse querer ficar no Cruzeiro. Os clubes vão estudar uma composição de negócio para definir a situação. Pelo Cruzeiro, ele tem 39 partidas, com três gols marcados, sendo um deles na semifinal da Copa do Brasil contra o Grêmio.

Por causa da lesão de Ariel Cabral e a perda de espaço de Lucas Romero, o jogador passou a ser titular no meio, ao lado de Henrique. No São Paulo, a prioridade da diretoria é manter Jucilei, cujo empréstimo com o Shandong Luneng, da China, termina no fim do ano. O direto executivo Vinicius Pinotti trata o assunto pessoalmente.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- Sob vaias e protestos, Fluminense vence, se alivia e se garante na elite
- Zagueiro do Corinthians recebe visita de Jô, e posta foto de joelho operado
- Carille define Cássio como capitão do Corinthians na entrega da taça do BR
- Réver treina com bola e pode voltar ao time do Flamengo na 'Sula'

Últimas