Publicada em 25/10/2017, às 13:57

Destaque contra o Cruzeiro, Otero quer garantir titularidade no Galo

No comando de Oswaldo de Oliveira, o meia-atacante já recebeu duas oportunidades entre os titulares e pretende aumentar seus números na reta final do Brasileiro

(Foto: Bruno Cantini / Atlético)

Forçado a substituir Cazares, o técnico Oswaldo de Oliveira promoveu a entrada de Otero no time titular do Atlético durante o clássico com o Cruzeiro. A entrada do venezuelano foi determinante para a vitória alvinegra, já que ele foi o responsável pelo primeiro gol do Galo na vitória de virada por 3 a 1.

Por conta de suas boas atuações também no sistema ofensivo, auxiliando Marcos Rocha na marcação pelo lado esquerdo, Otero deve ser mantido no time principal. Elogiado, o jogador garante que conseguiu cumprir os pedidos do técnico Oswaldo de Oliveira e promete manter o rendimento, caso entre em campo contra o Botafogo, no próximo domingo.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



- Às vezes quando não estou bem tecnicamente no jogo, me viro e começo a correr para ajudar meus companheiros. Não é correr de forma qualquer. Ajudo o lateral. Defender, ajudar o Marcos Rocha me fez entrar no time. Respondi bem ao que o treinador me pediu. Não sei se vou jogar no domingo, mas vou fazer a mesma coisa - declarou.

Durante a era Micale, Otero foi escalado no time titular apenas uma vez. Passando por uma sequência oscilante na temporada, o jogador acredita que a melhoria virá com o trabalho que está realizando durante os treinos e dedicação dentro de campo.



- Estou muito feliz pelo gol no clássico. Desde que cheguei ao Atlético, tive jogos bons, ajudando o time, que é o mais importante. Foi muito bom marcar. Ainda não tive uma regularidade no Atlético. Tento melhorar a cada dia. Estou muito feliz no Atlético, a gente não está num momento muito bom, mas estamos fazendo de tudo para se classificar à Libertadores - apontou.

Com 49 jogos disputados nesta temporada, sendo 25 como titular, Otero iniciou entre os principais apenas na partida contra o Grêmio, na época de Micale, quando o time titular foi formado por reservas. No comando de Oswaldo de Oliveira, o meia-atacante atuou duas vezes no time principal e a previsão é de que continue ganhando espaço nesta reta final do Campeonato Brasileiro.

- Tenho que melhorar a cada dia nos treinos, dando a vida, para o treinador ver que quero ser titular, ajudar o time. São técnicos diferentes. Com o treinador anterior, só fiz um jogo de titular. Com o Oswaldo estou entrando mais nos jogos, tenho jogado como titular. Estou tendo mais oportunidades. Com mais chances, a gente pode ajudar mais o time.

No Independência, Atlético-MG e Botafogo se enfrentam às 17h do próximo domingo, em jogo válido pela 31ª rodada do Brasileirão. O Galo briga por uma vaga no G7 e, para se aproximar do objetivo, precisa parar o Alvinegro Carioca, que ocupa a sexta colocação, com 47 pontos.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte