Publicada em 22/10/2017, às 20:11

Grêmio vê "apagão" em derrota para o Palmeiras e volta foco para a Libertadores

Com titulares poupados para duelo contra o Barcelona-EQU, time de Renato perdeu por 3 a 1 na Arena e caiu para o quarto lugar no Brasileirão

Michel anotou o único gol gremista (Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio)

O começo foi animador. Os gremistas só não contavam com um "apagão" no segundo tempo, em falhas que custaram a derrota por 3 a 1 para o Palmeiras, neste domingo, na Arena, pela 30ª rodada do Brasileirão. Com os titulares poupados para a Libertadores, os reservas de Renato Gaúcho até começaram bem, jogando de igual para igual com a equipe paulista, mas caíram muito de rendimento na segunda etapa e foram facilmente envolvidos.

Na saída de campo, os gremistas reconheceram as falhas que culminaram nos gols de Dudu (duas vezes) e Moisés. Após a saída de Bruno Rodrigo no intervalo, com Marcelo Oliveira deslocado para a zaga, o Grêmio se perdeu. O Palmeiras abriu o placar logo aos três minutos da etapa final e aos 17 já vencia por 3 a 0. Michel ainda descontou aos 35, quando a equipe de Alberto Valentim tirou o pé e passou a administrar a grande vantagem.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



– A gente sabia da dificuldade, da qualidade da equipe do Palmeiras. Fizemos um bom primeiro tempo, consegumos neutralizar os pontos fortes deles. Mas no segundo tempo, num apagão, em três falhas nossas acabamos tomando três gols – afirmou o atacante Éverton, destaque no primeiro tempo atuando pelo lado direito.

Um dos dois titulares em campo – o outro foi Luan –, Michel reconheceu que a equipe teve uma atuação "abaixo". O volante atuou pela primeira vez pouco mais de 20 dias depois de passar por uma artroscopia no joelho esquerdo. Reconheceu que sentiu o cansaço, mas disse que está à disposição de Renato para o jogo da próxima quarta-feira contra o Barcelona-EQU. E ressaltou que é outra competição.

– A gente fez uma partida muito abaixo. Temos que melhorar muito. Eu particularmente senti muito fisicamente. O ritmo de jogo conta muito. Daqui para frente tem que trabalhar muito. Agora temos uma batalha lá no Equador e cada campeonato é um campeonato – destacou.

Com a derrota, o Grêmio caiu do segundo para o quarto lugar na tabela do Brasileirão. Com 50 pontos, foi ultrapassado pelo Palmeiras e pelo Santos, que bateu o Atlético-GO e também chegou a 53. O líder Corinthians, com 59, visita o Botafogo nesta segunda-feira, no complemento da rodada.

O time de Renato não tem muito tempo para digerir a derrota em casa e já embarca neste domingo, em voo fretado, para Guayaquil, no Equador. O confronto contra os equatorianos ocorre às 21h45 (de Brasília) de quarta-feira. O jogo de volta está marcado para o dia 1º de novembro, no mesmo horário, em Porto Alegre.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- Danrlei destaca trabalho de Renato no Grêmio: "É o futebol mais bonito do Brasil"
- Emissora revela que Grêmio espiona rivais com drone e esquenta final
- Gringos renascem e comandam vitória do Santos sobre o Grêmio
- Arroyo sobra até de time reserva e chegará a um mês sem atuar pelo Grêmio
- Leia mais notícias sobre Grêmio em www.futnet.com.br/gremio

Mais sobre - Grêmio