Publicada em 20/10/2017, às 17:29

Mano fala em 'empatia natural' pelo Cruzeiro após assinar renovação

Durante coletiva na tarde desta sexta-feira, Mano Menezes se mostrou otimista com o planejamento da nova diretoria e falou sobre a expectativa para o clássico com o Galo

Mano Menezes assinou renovação contratual com o Cruzeiro na manhã desta sexta-feira (Divulgação)

Na manhã desta sexta-feira, a diretoria do Cruzeiro e Mano Menezes chegaram a um acordo e o treinador garantiu sua permanência no clube por mais duas temporadas. Segundo a assessoria da nova gestão, as propostas apresentadas por Wagner Pires de Sá e pelo vice de futebol Itair Machado, agradaram o técnico, que vai para o seu quarto ano em Belo Horizonte.

Havia um clima de tensão na Toca da Raposa, principalmente porque após a conquista da Copa do Brasil, o técnico ficou ainda mais valorizado no mercado, despertando o interesse de outros clubes, com destaque para o atual campeão brasileiro Palmeiras, que revelou o desejo de contar com Mano logo depois de demitir o técnico Cuca.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Anteriormente, Mano havia demostrado insatisfação com a forma em que a mídia estava tratando a demora para acertar sua permanência no Cruzeiro. O treinador chegou a dizer que não era autor de novela e explicou que agiria com calma para evitar uma atitude precipitada. De contrato assinado, Mano comentou sobre a conversa com a nova diretoria e se mostrou confiante para os próximos anos.

- Era necessário ter uma reunião com as pessoas que vão comandar o futebol no próximo ano, para primeiro conhecê-los e que eles pudessem conhecer a mim de forma direta. Esses contatos aconteceram depois de terça-feira passada. Por isso eu digo que foi rápido, resolvemos em apenas quatro dias para que coisas importantíssimas para a próxima temporada. Quando assina um contrato, se estabelece uma carta de intenções entre as partes. Se isso vai caminhar bem ou não, só vamos saber depois. Mas o que digo é que vamos trabalhar bem, como sempre trabalhamos. Isso me deixa contente e vamos tocar o ano com a mesma força de sempre - disse.

O treinador também falou sobre as saídas do ex-vice presidente de futebol Bruno Vicintin e do gerente Tinga, que deixará o clube com o encerramento do mandato de Gilvan de Pinho Tavares. Rumores de que Mano seguiria os passos dos dirigentes da atual gestão cresceram devido ao bom relacionamento que o técnico mantinha com ambos. Porém, o comandante celeste afirmou que espera ter confiança recíproca absoluta com os membros da nova diretoria, para que os resultados sejam satisfatórios.

- Muito se falou sobre a saída do Vicintin, do Tinga... Quando cheguei aqui, não conhecia nenhuma pessoa e estabelecemos relações. E essa confiança vem com o tempo. Agora, será uma nova relação, que espero ser de absoluta confiança. Só assim se consegue resultado no futebol - apontou.

Pela segunda vez no comando do time celeste, Mano Menezes reiterou a identificação que tem com o clube e a intenção de continuar ajudando a aumentar a quantidade de títulos conquistados pelo Cruzeiro durante o período que permanecer na Toca.

- Existe uma empatia natural entre eu e o Cruzeiro. Sinto isso aqui, o que não acontece em todos os lugares. Não tem explicação, você se identifica mais com as pessoas e com o ambiente. Sempre tentei retribuir esse carinho e é isso que vamos fazer nos próximos dois anos, e espero que seja com títulos.


CLÁSSICO COM O ATLÉTICO-MG

De olho no clássico com o Atlético-MG, que será o último do ano entre equipes, Mano Menezes pediu a atenção do time para a partida, já que ambos vem de derrota. Porém, se mostra aliviado pelo erro ter sido cometido antes, restando tempo para realizar as alterações necessárias para contar com um time preparado para enfrentar o maior rival.

- O jogo contra o Atlético é tão grande em si que alguns detalhes passam batidos (viagem e um dia a menos para treinar em relação ao rival). As duas equipes vêm de derrota e precisam de reabilitação. Algumas vezes as derrotas aparecem para mostrar que algumas coisas não estão bem. Para nós, foi bom que tenha aparecido antes de um jogo tão importante. Tenho certeza que vamos retomar um futebol capaz de ambicionar uma vitória importante - frizou.

O técnico ainda deu pistas sobre a escalação titular para o confronto com o Galo, indicando os retornos de Alisson e Murilo, que se recuperou recentemente de uma contratura.

- Alisson está dentro. Já Murilo, ele tem dois cartões amarelos, além de estar voltando de contratura. Então, preferi deixa-lo fora em Curitiba. Mas ele volta no domingo. Vocês já sabem dois titulares.

Os jogadores do Cruzeiro voltam aos treinos nesta tarde e a expectativa é de que Mano comece a esboçar a equipe que será titular no domingo. A última atividade será realizada neste sábado, quando o clube deverá liberar a lista de atletas relacionados.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- Cruzeiro mostra interesse de renovar contrato com volante Hudson
- "Satisfeitíssimo", Mano acha que bola de Henrique entrou, mas não condena juiz
- Henrique lamenta resultado, mas elogia atuação: "Equipe jogou bem"
- Após sair na frente, Vitória cede empate ao Cruzeiro no Barradão
- Leia mais notícias sobre Cruzeiro em www.futnet.com.br/cruzeiro

Mais sobre - Cruzeiro