Publicada em 18/10/2017, às 13:32

Líder em assistência, Scarpa é esperança de melhora ofensiva do Fluminense

Camisa 10 tem 11 passes a gol no ano pelo Tricolor, dos quais oito no Brasileirão. É, ao lado de Henrique Dourado, esperança de vitória sobre o São Paulo

Gustavo Scarpa é fundamental ao Fluminense (Foto: André Durão)

Se Henrique Dourado balança a rede, Gustavo Scarpa dá o passe para tal. A temporada do Fluminense é assim. Enquanto o Ceifador é o artilheiro, o camisa 10 é o garçom.

A dupla é a esperança de vitória contra o São Paulo, nesta quarta-feira, no Maracanã, para fugir de vez da zona de rebaixamento do Brasileirão - em 12º lugar, com 35 pontos, o Tricolor tem três a mais do que a Ponte Preta, a primeira integrante do Z-4. E cabe ao meia a responsabilidade da melhora da produção ofensiva.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Dourado tem 29 gols no ano, 15 deles no Brasileirão (é o artilheiro). Scarpa, 11 assistências na temporada, oito na competição (é o segundo no quesito). O camisa 10 deu três passes para gol do centroavante, todos marcados de cabeça.

- É gratificante ver o Dourado como artilheiro, especialmente após tudo o que ele passou no ano passado. Foram muitas cobranças. Sobre assistências, eu teria mais uma se o gol do Matheus Alessandro (contra o Avaí) não fosse anulado. Espero que ele seja o artilheiro do campeonato e que eu possa ajudar - disse Scarpa.

A última assistência a gol de Scarpa foi a Pedro, na derrota por 2 a 1 para LDU, em Quito, com classificação na Sul-Americana. No período de seis jogos sem vitória, encerrado contra o Avaí, o Tricolor havia marcado apenas quatro gols.



As assistências de Scarpa

Richarlison e Henrique Dourado - 3 gols cada

Reginaldo e Wendel - 1 gol cada

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte