Publicada em 27/09/2017, às 12:32

No 1º treino, Oswaldo sinaliza Robinho de titular, mas não tem Victor e Luan

Goleiro e atacante são poupados mas, a princípio, não preocupam para domingo; novo técnico trabalha bastante finalizações

Oswaldo de Oliveira conversa com Carlinhos Neves no treino do Atlético-MG (Foto: Rafael Araújo)

O Atlético-MG começou a ganhar a cara de Oswaldo de Oliveira nesta quarta-feira, quando o treinador comandou o primeiro trabalho como técnico do Galo. Foi o primeiro dia efetivo de trabalho do novo comandante, que mostrou a cara da equipe que deverá ser titular já na estreia dele, no domingo, contra o Atlético-PR, em Curitiba.

Na atividade, Oswaldo de Oliveira não contou com Victor e Luan. Os dois reclamaram de dores na perna e foram poupados. Neste primeiro momento não preocupam. O treinamento desta quarta começou com um trabalho rápido de troca de passes. Durante o trabalho, o treinador dividiu o elenco em dois. De um lado o time titular, que tinha Alex Silva, Leonardo Silva, Gabriel, Fábio Santos; Adilson, Yago, Elias, Robinho, Cazares, Valdívia e Fred. Os goleiros fizeram um trabalho à parte com Chiquinho.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



A segunda parte do treino foi dedicada às finalizações. Oswaldo acompanhou de perto o desempenho de volantes, meias e atacantes, que finalizaram bastante. Do outro lado do campo, o auxiliar Thiago Larghi orientou uma atividade de posicionamento defensivo. Falando nos auxiliares, uma curiosidade foi que todos estavam com uma pastinha cheia de anotações.

Nesta quinta-feira, o Galo treinará em dois períodos, algo inédito no clube desde a pré-temporada, em janeiro. A parte da manhã será dedicada a parte tática, enquanto no período da tarde será trabalhada a parte técnica. Serão nestas atividades que Oswaldo de Oliveira mostrará a cara do time para domingo, mas não deve ser muito diferente do que ele montou no primeiro trabalho.



Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte