Publicada em 22/09/2017, às 15:55

Guto despista, mas indica Camilo no banco: "Não está no ritmo dos outros"

Sem D'Alessandro, suspenso, Inter deve ir a campo com Gutiérrez no meio-campo para encarar o Náutico, neste sábado, às 16h30, no Lacerdão, pela 25ª rodada da Série B

Guto Ferreira diz que Camilo precisa recuperar ritmo de jogo (Foto: Ricardo Duarte/Divulgação Internacional)

Ao seu estilo costumeiro, Guto Ferreira manteve o mistério sobre a escalação do Inter para encarar o Náutico, no sábado, às 16h30, no Lacerdão, pela 25ª rodada da Série B. Em entrevista coletiva concedida na chegada da delegação a Caruaru, nesta sexta-feira, o treinador evitou confirmar a escolha por Felipe Gutiérrez como substituto de D'Alessandro, suspenso, no meio-campo. Mas deu ao menos um bom indício de que o gringo começará a partida.

E graças à condição física de Camilo, contratado justamente para atuar no setor de criação, como grande reforço para a reta final da Série B. Em recuperação de uma lesão muscular sentida na derrota por 1 a 0 para o Atlético-MG, pela Primeira Liga, o meia retomou os trabalhos com o grupo apenas nesta semana e ainda está em um ritmo abaixo dos demais. Assim, a tendência é de que comece no banco de reservas.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



– Vocês querem sempre as perguntas difíceis. Definido está, mas revelar só na hora do jogo – afirma Guto, antes de emendar sobre Camilo – É um jogador que não está no ritmo dos outros. Está num processo de crescimento. Isso pesa na definição. Se tem jogador com mais intensidade, que tem certeza que pode ir até determinado ponto, você passa. O importante é a equipe e que eles possam render o melhor para a equipe. Independente de estar voltando de um problema de lesão ou não.

O treinador ainda comentou sobre a briga pela liderança com o América-MG, que retomou a ponta após bater o Vila Nova, na última terça-feira. Em caso de vitória neste sábado, o Inter reassume a primeira colocação ao empatar em pontos com os mesmos 48 do Coelho. De quebra, ainda põe um ingrediente a mais para o confronto direto entre as duas equipes, na próxima rodada, no Beira-Rio.



– Se você pensar numa maneira só de classificação ou de momento, tem que trabalhar sempre o máximo pela vitória. Caso não consiga, tem que levar um ponto. Tem que seguir somando, matando os jogos em casa e fazendo o melhor posível fora. Essa é a sequência que a gente tem que ter – afirma o técnico.

Após chegar a Caruaru, o Inter faz um último treino antes da partida na tarde desta sexta-feira, com portões fechados. No sábado, o Colorado tenta retomar a liderança da Série B em duelo com o Náutico, às 16h30, no Lacerdão, pela 25ª rodada da competição.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte