Publicada em 13/09/2017, às 21:26

No retorno oficial de Ruschel, Fla e Chape empatam sem gols no Sul

Equipes fizeram uma partida bem movimentada, mas não conseguiram balançar a rede. Partida da volta será na próxima quarta-feira, na Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro

Chapecoense x Flamengo (Foto: Eduardo Valente)

No jogo que marcou o retorno oficial de Alan Ruschel aos gramados, Chapecoense e Flamengo empataram em 0 a 0, na noite desta quarta-feira, na Arena Condá, em Chapecó (SC), pela partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O duelo foi bem movimentado, com algumas boas chances de gol, mas ninguém teve competência para balançar a rede. As equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, na Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro. O Verdão do Oeste jogará por um empate com gols, enquanto o Rubro-Negro precisa de uma vitória simples para avançar no torneio.

O jogo mostrou-se animador no início, aberto, com muita velocidade de ambos os lados. Os dois times buscavam o gol, mas faltavam oportunidades claras. O Flamengo apostava nas jogadas de lado de campo com Berrío. Everton, por sua vez, teve que deixar a partida cedo, com um problema na panturrilha esquerda, dando lugar ao garoto Vinicius Júnior.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

A Chape chegou com mais perigo num bom chute do bravo Alan Ruschel. Diego Alves fez uma boa defesa, e Arão impediu Túlio de Melo de pegar o rebote. Ex-jogador do Flamengo, Canteros desperdiçou uma boa oportunidade em cobrança de falta. Já o Rubro-Negro incomodou com algumas jogadas de bola parada, mas não teve sucesso para furar o bloqueio dos donos da casa. Guerrero, sempre combativo, arriscou só um chute perigoso na primeira etapa. Foi pouco.

O segundo tempo começou agitado, com a Chape pressionando para abrir o placar. O Flamengo respondeu com uma cabeçada de Juan, que Jandrei segurou firme. Guerrero também chegou perto, mas cabeceou mal numa saída equivocada do goleiro do Verdão do Oeste.

Aos 14 minutos, Réver quase abriu o placar em cabeçada à queima roupa contra Jandrei. O goleiro da Chape estava no lugar certo e evitou o gol. Com a bola no chão, o Flamengo não conseguia levar o mesmo perigo. Do outro lado, Reinaldo perdeu uma chance incrível aos 29 minutos. Penilla arriscou um chute despretensioso de fora da área, Diego Alves espalmou para a frente, e o lateral, cara a cara com o goleiro, chutou para fora.

Guerrero e Paquetá deram trabalho ao goleiro Jandrei nos minutos finais. Pela Chape, Luiz Antônio arriscou um bom chute, mas parou em Diego Alves. Numa linda jogada, Penilla finalizou rente à trave esquerda do Flamengo. O equatoriano chegou muito perto de fazer a alegria da torcida da casa. Contudo, o placar de 0 a 0 era insistente e permaneceu até o fim.

FICHA TÉCNICA:

CHAPECOENSE 0 X 0 FLAMENGO


Data/Hora: 13/9/17 - 19h15
Local: Arena Condá, Santa Catarina (SC)
Árbitro: Gery Vargas (BOL)
Auxiliares: Juan P. Montaño (BOL) e José Antelo (BOL)
Cartões amarelos: Reinaldo, Fabrício Bruno (CHA); Guerrero, Réver, Cuéllar, Everton Ribeiro (FLA)
Público e renda: 9.702 pagantes / R$ 279.770,00

CHAPECOENSE: Jandrei, Apodi, Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro (Lucas Marques, 42'/2°T), Canteros e Lucas Mineiro; Alan Ruschel (Luiz Antônio, 27'/2°T), Wellington Paulista e Túlio de Melo (Penilla, 15'/2°T). Técnico: Emerson Cris.

FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Réver, Juan e Pará; Cuéllar, Arão e Diego (Everton Ribeiro, 42'/2°T); Berrío (Paquetá, 34'/2°T), Everton (Vinicius Júnior, 25'/1°T) e Guerrero. Técnico: Reinaldo Rueda.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- STJD absolve Fla e Bota por desordens na semifinal da Copa BR
- No cinema: torcida do Flamengo poderá assistir à final contra o Cruzeiro na telona
- Everton Ribeiro elogia postura e intensidade do Fla nos últimos jogos
- Atravessando melhor fase no Fla, Cuéllar destaca confiança de Rueda
- Leia mais notícias sobre Flamengo em www.futnet.com.br/flamengo

Mais sobre - Flamengo