Publicada em 19/04/2017, às 15:27

Titular, Rafael Marques evolui no Vasco e mira desfecho diferente

Zagueiro, agora dono da posição ao lado de Rodrigo após a saída de Luan, fala sobre fase que vive em São Januário e promete time melhor contra o Flu em relação ao primeiro encontro

Confira a seguir imagens de Rafael Marques com a camisa do Vasco na galeria especial do LANCE! (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br)

A saída de Luan do Vasco para o Palmeiras caiu em um bom momento para Rafael Marques. O zagueiro assumiu a posição de titular ao lado de Rodrigo sob o comando do técnico Milton Mendes e não vem desperdiçando a oportunidade. A sequência é comemorada com estilo ao apresentar um futebol de qualidade que está sendo importante para o crescimento do time.

Aos 33 anos, Rafael Marques apenas nos quatro meses iniciais deste ano já jogou mais do que ano passado: 13 contra dez partidas. Conseguiu, inclusive, estufar as redes adversárias pela primeira vez com a camisa do Vasco - diante do Nova Iguaçu no último dia 2. A missão é seguir o trabalho de maneira exaustiva para que os objetivos cruz-maltinos sejam alcançados ao longo da temporada.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

- Estou feliz pelo momento do Vasco e meu momento. Todo jogador precisa de sequência, e agora estou tendo a oportunidade de mostrar o meu futebol. O aproveitamento está sendo bom, estou conseguindo contribuir junto dos meus companheiros para o crescimento da equipe. Tenho certeza que o jogo de sábado vai ser totalmente diferente daquele primeiro clássico (derrota por 3 a 0 no início da temporada) - afirmou Rafael Marques em entrevista coletiva após o treino em São Januário no início da tarde desta quarta-feira.



No sábado, Rafael Marques estará em campo mais uma vez como titular do Vasco e será peça fundamental no conjunto defensivo, com o intuito de a equipe não sofrer gols no clássico com o Fluminense, válido pela semifinal do Campeonato Carioca, valendo vaga na decisão do Estadual. O Tricolor estará com a vantagem do empate e os dois treinos decisivos vascaínos, nas manhãs desta quinta e sexta-feira, ganham na importância. O zagueiro comentou sobre as expectativas e no trabalho que Milton Mendes vem realizando.

- Ninguém joga para empatar. Essa vontade só começa a pesar a partir dos 15, 20 minutos do segundo tempo. Para mim, time grande que entra se defendendo perde vontade de vencer. Temos totais condições de entrar em campo e nos classificarmos. Vai ser um jogo aberto. Nos treinamentos, o Milton conversa muito com a gente. É gratificante ficar sem tomar gols. Estamos marcando forte em todos os setores - finalizou.

Fonte: Lance
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- Adeus! Bruno Gallo deixa o Vasco e vai jogar no futebol do Qatar
- São Paulo x Vasco: prováveis times, onde ver, desfalques e palpites
- 'Fominha', Nenê vê lado positivo de suspensão: 'Treinei ainda mais forte'
- Ramon pede maturidade ao Vasco para vencer 'desafio' contra o Santos
- Leia mais notícias sobre Vasco da Gama em www.futnet.com.br/vasco

Mais sobre - Vasco da Gama