Publicada em 18/04/2017, às 16:33

Volante chama Rodrigo Caio de exemplo, mas diz que atitude 'depende do calor do jogo'

Volante disse que o companheiro é um exemplo a ser seguido e que não sabe o que faria se estivesse na mesma condição. Para o jogo contra o Cruzeiro, ele crê na reversão do placar

(Foto: Érico Leonan/saopaulofc.net)

A atitude do zagueiro Rodrigo Caio no clássico contra o Corinthians, no último domingo, continua sendo tema no São Paulo. Nesta terça, Jucilei apareceu para ser entrevistado em coletiva antes do último treinamento para a partida contra o Cruzeiro e não conseguiu fugir da polêmica. O volante elogiou a atitude do companheiro.

- É um assunto delicado o que ocorreu no jogo de domingo com o Rodrigo Caio. Ele é um exemplo a ser seguido na vida e no futebol, honestidade, caráter... Na emoção do momento ele falou. Muitos falaram que o Jô poderia ficar suspenso, no momento ele teve aquele reação. Vida que segue.

No entanto, o assunto continuou em voga e Jucilei foi novamente perguntado sobre a atitude de seu companheiro e se faria algo parecido. Desta vez, ele lembrou de um outro lance envolvendo Jô.

Leia Mais
- Fiel a trato com Ceni, Gilberto buscou psicóloga para brilhar no São Paulo
- Copa América 2019 será disputada em sete cidades brasileiras
- Treinador de goleiros elogia trio e não vê necessidade de reforço no SP
- Cinco garotos do profissional reforçam time sub-20 do São Paulo na Copa do Brasil
- Leia mais notícias sobre São Paulo em www.futnet.com.br/saopaulo

- Depende, depende da emoção do jogo. Depende de tudo. Quando aconteceu com o Jô contra o São Bento, o Jô não falou que foi pênalti. O Corinthians ganhou 1 a 0, e o Jô falou que não encostou. Depende muito - declarou, lembrando de jogada no começo da competição.

Titular absoluto da equipe de Rogério Ceni, Jucilei se mostrou confiante de que o time irá se classificar para as oitavas de final da Copa do Brasil. Para ele, não há outra receita, senão a entrega.

- O torcedor tem que acreditar, porque temos um time de qualidade, camisa pesada, clube respeitado no mundo inteiro. Vamos deixar a vida em campo, vamos dar o nosso melhor e tentar reverter esse placar - explicou o meio-campista.

Nas duas últimas derrotas por 2 a 0, o Tricolor enfrentou adversários que estão entre as melhores defesas do país nesta temporada, isso não foi novidade para Jucilei, que acredita em uma mudança de postura favorável ao seu time na partida de volta do mata-mata.

- Conheço o Mano, conheço o Carille, jogam fechados, já trabalhei com eles, mas jogando em casa talvez se soltem, quando jogam aqui se fecham, precisamos saber lidar com isso, são dois jogos de decisão, temos que tentar reverter esse placar - projetou.

Cruzeiro e São Paulo se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h30, no Mineirão, válido pela Quarta Fase da Copa do Brasil. O Tricolor precisa vencer por mais de dois gols de diferença para se classificar, ou vitória por 2 a 0 para levar a decisão para os pênaltis.

Fonte: Lance
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - São Paulo