Publicada em 05/04/2017, às 21:40

Grêmio bate América-MG com golaço de Everton e avança na Primeira Liga

Everton anota um golaço e decreta triunfo por 1 a 0 do Tricolor, nesta quarta-feira, pela última rodada da fase de grupos; gremistas garantem vaga nem segundo no Grupo B

Everton anota o gol da vitória do Grêmio sobre o América-MG (Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação)

A noite servia como teste de Renato Gaúcho para ver mais de Gastón Fernández e Lucas Barrios, em meio a formação reserva, contra o América-MG, na Arena, pela última rodada da fase de grupos da Primeira Liga. Mas quem brilhou para carimbar a vaga do Grêmio nas quartas de final da competição foi Everton. Nesta quarta-feira, o Tricolor jogou apenas para o gasto e venceu o Coelho por placar magro: 1 a 0. O camisa 11, ao menos, deu bom motivo para os menos de 5 mil gremistas presentes sorrirem, com o golaço que assinou o triunfo.

Com o triunfo, o Grêmio assegura a vaga como segundo colocado do Grupo B, com quatro pontos. O América-MG se despede da Primeira Liga na lanterna da chave, com apenas um ponto somado. As quartas de final estão marcadas apenas para o dia 29 de agosto. Os confrontos serão definidos em sorteio.

O Tricolor volta a campo no próximo sábado, às 16h, para encarar o Veranópolis, na Arena, com vantagem no jogo da volta das quartas de final do Gauchão, após vencer a ida por 2 a 0. O Coelho recebe o Vila Nova-MG, às 16h do domingo, no Independência pela última rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro.

Leia Mais
- Renato rebate colunista sobre fase do Grêmio: "Para de falar besteira"
- Bolzan revela 'alívio' por fugir de Gre-Nal, mas aponta Flu como adversário forte para Grêmio
- Olho no Gauchão: Grêmio avalia desgaste e cogita preservar peças na Libertadores
- Nada feito para o Flamengo: STF confirma Sport como único campeão Brasileiro de 1987
- Leia mais notícias sobre Grêmio em www.futnet.com.br/gremio

O jogo

As duas equipes travaram um primeiro tempo para deixar os poucos torcedores presentes na Arena sonolentos nas arquibancadas. O Grêmio foi superior e controlou o jogo, com mais posse de bola e sem dar brechas ao América-MG, mas não conseguiu ser vertical e incisivo. O Tricolor até tramou boas combinações de seu quarteto ofensivo, em especial com Barrios. O gringo apareceu bem duas vezes, ao pifar Everton e depois ao figurar na infiltração. Mas ambos dominaram dentro da área e não finalizaram.

O camisa 11, porém, conseguiu se redimir da chance desperdiçada. E em grande estilo. Aos 44, Everton recebeu de Gata Fernández na entrada da área e, mesmo com a marcação, logo emendou um chute colocado. A bola encobriu João Ricardo e acertou o ângulo esquerdo da meta do América-MG, em um golaço para abrir o placar na Arena.

O tento gremista, porém, não foi capaz de aquecer a partida para a segunda etapa. Com a vantagem no placar, a equipe de Renato Gaúcho seguiu soberana em campo, comandada por uma boa atuação do volante Arthur. O garoto fez as vezes do capitão Maicon e organizou a equipe desde trás para ditar o ritmo do jogo. Sem correr riscos atrás, o Tricolor não impôs lá muita intensidade para pressionar o América-MG e apenas administrou o triunfo até o apito final.

A morosidade só não foi plena ao longo de 90 minutos, salvo o gol, devido a uma confusão já nos acréscimos do segundo tempo, após o América-MG reclamar de pênalti não marcado pelo árbitro, em lance em que Fernandinho acertou um rival dentro da área. Na sequência, os visitantes pediram fair play, mas Maxi Rodríguez segurou a bola e foi derrubado. Em seguida, quatro jogadores do Coelho tentaram tirar satisfação com o gringo, e a confusão logo se formou à beira do campo. Até mesmo Renato Gaúcho e Enderson Moreira discutiram antes de os ânimos serem apaziguados. Maxi e Alex Silva acabaram expulsos.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Grêmio