Publicada em 31/03/2017, às 08:35

Entre altos e baixos, Fla encerra fase de testes de reservas no Carioca

Técnico Zé Ricardo usou vários jogadores na competição e fez diversas observações

Felipe Vizeu tem dois gols no Carioca Fotos: Gilvan de Souza / Flamengo

Com um clássico pela frente no próximo domingo, o Flamengo parece ter encerrado o período de testes no Campeonato Carioca. De acordo com dados do Footstats, 29 jogadores foram utilizados pelo técnico Zé Ricardo no Estadual. O treinador usou os reservas em várias ocasiões, promovendo o popular "rodízio" do elenco. O balanço do rendimento dos atletas é majoritariamente positivo. No entanto, alguns suplentes deixaram a desejar.

Na defesa, o goleiro Thiago não chegou a ser muito exigido, mas deixou uma boa impressão. Ele é o reserva imediato de Muralha e vem sendo observado pela comissão técnica. Após a saída de Paulo Victor, o Flamengo analisava a possibilidade de contratar um arqueiro experiente. Os laterais Renê e Rodinei foram discretos e ainda estão longe de lutarem por vagas no time titular. Léo Duarte, Juan e Donatti cumpriram com suas obrigações, porém também não há um clamor por mais chances para o trio.

Entre os volantes reservas, Ronaldo foi bem nos dois jogos em que participou, e Márcio Araújo ganhou a condição de titular durante os testes no Carioca. Cuéllar teve participação tímida e ainda busca espaço.

Leia Mais
- Zé explica ausência de Ederson e "culpa" fase decisiva por demora para retorno
- Só um susto: leilão do Estádio Luso-Brasileiro é suspenso
- Ainda se recuperando de lesão Diego visita Zagallo: 'Grande aprendizado'
- Zé Ricardo confia em Muralha, apesar de críticas da torcida: 'Vai tirar de letra'
- Leia mais notícias sobre Flamengo em www.futnet.com.br/flamengo

No meio, os garotos mostraram um brilho promissor. Paquetá e Matheus Sávio tiveram bons momentos no Carioca, mas ainda precisam ser mais "constantes". Adyran, por outro lado, só teve chances no início do torneio.

Vizeu e Damião se alternaram na condição de substitutos de Guerrero. O primeiro fez dois gols neste Estadual, enquanto o mais experiente fez quatro. Berrío mostrou certas limitações técnicas, entretanto foi útil. Gabriel, por sua vez, foi testado numa nova função, como meia de criação. Cirino, que esteve perto de sair, anda em baixa. Por fim, Cafu aproveitou as duas chances que teve e deu duas assistências.

ZÉ DESTACA VALOR DE GAROTOS

O técnico Zé Ricardo lembra da importância dos garotos da base. Em alguns jogos, todo o banco de reservas do Flamengo foi formado por eles.

- Um dos objetivos nossos no Flamengo, não só do Zé, é prospectar esses meninos um pouco mais. É uma tendência natural. A cada ano que passa, o Flamengo usa mais a sua base. Não seria coerente não usá-los. Eles têm que merecer estar na condição e vai depender da condição deles. Se estiverem merecendo, vão ter (oportunidades). Precisamos proporcionar chances. São sete ou oito meninos, é difícil colocar todos. Mas vamos dar chances na medida do possível - disse.

RESERVAS AGRADECEM POR OPORTUNIDADES

O lateral-direito Rodinei mostrou-se agradecido a Zé Ricardo pelas chances no Campeonato Carioca. Ele lembrou que os reservas devem ter novas oportunidades em breve.

- O professor Zé Ricardo está de parabéns, deu oportunidades para todos os atletas. Agora é continuar trabalhando. As oportunidades sempre vão vir, vão ter muitos jogos ainda pela frente, com Libertadores, Brasileiro e Copa do Brasil. Temos que estar sempre preparados para dar conta do recado - disse o camisa 2 do Flamengo à TV Globo.

Cafu, que foi promovido ao profissional neste ano, é um dos menos badalados do elenco, mas está aproveitando as chances.

- As oportunidades estão aparecendo. O Zé está tentando dar o maior número de chance possível. Eu tenho treinado com os mais experientes e espero poder continuar tendo oportunidades - disse à TV Globo.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Flamengo