Publicada em 31/03/2017, às 11:28

Conselho do Grêmio aprova contas de 2016 e registra lucro de R$ 35 milhões

Turbinado por luvas em negociação por direitos de transmissão do Brasileirão de 2019 a 2024, clube gaúcho cresce receita, mas também viu despesa aumentar em 3%

Grêmio teve superávit de R$ 35 milhões (Foto: Reprodução / RBS TV)

O Conselho Deliberativo do Grêmio aprovou, nesta quinta-feira, as contas da gestão do clube durante o exercício de 2016. A reunião extraordinária apreciou os pareceres do Conselho Fiscal e da Comissão de Assuntos Econômicos-Financeiros. O Tricolor registrou superávit de R$ 35 milhões.

O cenário positivo ocorreu por conta da negociação ocorrida no ano passado pelos direitos de transmissão do Brasileirão entre 2019 e 2024. O clube teve bônus, no negócio, de R$ 100 milhões. No ano anterior, o prejuízo fora de R$ 37 milhões.

A receita bruta de desportos foi de mais de R$ 212 milhões, um aumento de 20% em relação a 2015 - no total, foram R$ 312 milhões. A despesa fixa do clube cresceu 3%. Os números foram divulgados pelo clube em seu site oficial e serão publicados no portal da governança.

Leia Mais
- Volante Maicon pode ser desfalque contra o Guaraní
- Hora da verdade! Grêmio recebe o Guaraní-PAR em duelo pela liderança
- Copa América 2019 será disputada em sete cidades brasileiras
- Justiça condena Grêmio a pagar dívida de R$ 3,1 milhões a goleiro Victor
- Leia mais notícias sobre Grêmio em www.futnet.com.br/gremio

O responsável por apresentar os números foi o CEO gremista, Gustavo Zanchi, em reunião extraordinária. Os integrantes do Conselho de Administração também estavam presentes no auditório da Arena, onde a reunião é realizada.

Neste ano, o Grêmio terá para contabilizar a venda de Walace, por cerca de R$ 20 milhões, mas ainda, pela previsão orçamentária, que arrecadar mais R$ 40 milhões com esta rubrica. Recentemente, o clube viu-se em um imbróglio com Kleber Gladiador, após atraso no pagamento de uma das parcelas da dívida. A Justiça obrigou o Tricolor a efetuar o pagamento de R$ 8,8 milhões ao atacante do Coritiba, à vista. O clube recorreu da decisão.

Fonte: GloboEsporte
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Grêmio