Publicada em 31/03/2017, às 10:31

Chamado de Gilzinho no Corinthians, Franklin comemora encontro especial

Zagueiro de 18 anos treinou com a seleção brasileira nos últimos dias, conheceu o seu sósia pela primeira vez e ainda fez Neymar cantar "Timão" na mesa de jantar

Gil e Gilzinho: perfil oficial do Corinthians promoveu o encontro (Reprodução do Instagram)

Março foi um mês especial para Franklin Joseph Tochukwu, zagueiro de 18 anos que pertence ao Corinthians e que integra a categoria sub-20. Filho de mãe brasileira e pai nigeriano, o garoto teve alegria dupla.

Primeiro, foi chamado para mais um período de treinos do profissional, por conta das lesões de Vilson e Balbuena, que desfalcaram o setor.

Para completar, foi um dos garotos emprestados pelo clube alvinegro a Tite, participando de três atividades com a Seleção: uma no CT do Timão, outra no Morumbi e a terceira dentro da Arena Corinthians, na véspera da vitória da Seleção por 3 a 1 contra o Paraguai.

Leia Mais
- Ponte ajudou a moldar jogador que é fundamental na tática do Corinthians
- Corinthians fará novo mosaico e mira recorde em primeira final na Arena
- Apesar de tensão e críticas, gestão do Corinthians tem as contas aprovadas
- Corintianos esgotam ingressos para final do Paulistão em 45 minutos
- Leia mais notícias sobre Corinthians em www.futnet.com.br/corinthians

– Foram dias bastante especiais. Tite brincou comigo, disse que meu cabelo está quase chegando no do Willian. Foi marcante – disse o jogador corintiano.

No primeiro dia de treinos no CT, Franklin teve a companhia do lateral-esquerdo Guilherme Romão, do volante Mantuan, dos meias Rodrigo Figueiredo e Marquinhos e do atacante Natan. Depois, ele, Marquinhos e Natan integraram as atividades no Morumbi e na Arena.

A pedido da CBF, o trio participou também da rotina da delegação brasileira no hotel em que o grupo ficou concentrado em Guarulhos. Entre outras coisas, o encontro ficou marcado pelo batismo do trio durante um jantar, quando vários jogadores cantaram um grito de guerra do Corinthians na mesa. Incluindo o ex-santista Neymar (veja o vídeo acima).

– Os jogadores pediram para eu me apresentar e quando eu falava meu nome inteiro, eles riam. Aí ficavam pedindo para eu repetir. Depois, tive que cantar uma música. Desde pequeno ouço Racionais MC's. Comecei cantando "Nego Drama", mas estava muito nervoso com todo mundo me olhando e acabei cantando parte de "Artigo 157". Aí me zoaram – relata Franklin.

Chamado de "Gilzinho" no Corinthians pela semelhança física com o zagueiro Gil, que trocou o Timão pelo Shandong Luneng, da China, Franklin teve a chance de conhecer o jogador hexacampeão brasileiro pelo clube durante os treinos da Seleção. Um encontro que acabou sendo registrado nas redes sociais do Corinthians, para delírio dos torcedores alvinegros.

– Tinha muita vontade de conhecê-lo. Essa coisa de "Gilzinho" começou no profissional no ano passado. No meu primeiro treino, o Luciano (atacante, hoje na Espanha) disse que eu era filho do Gil, e isso pegou. Tinha muita vontade de encontrá-lo. Tive a sorte de treinar ao lado dele.

No Timão desde o sub-11, Franklin tem contrato com o Corinthians até 28 de fevereiro de 2019. Vice-campeão da Copa São Paulo como reserva de Vinicius Del'Amore e Thiago, o zagueiro deve disputar as competições da categoria sub-20 nesta temporada antes de ser promovido.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Corinthians