Publicada em 28/03/2017, às 21:08

"Pronto" para estreia, Bruno Rodrigo exalta disputa interna no Grêmio

Zagueiro vestirá camisa 14 e deve ser titular nesta quarta-feira contra o São Paulo-RS, pelo Gauchão, em busca de ritmo de jogo

Bruno Rodrigo tinha apelido de Cabeça de Míssil no Cruzeiro, pelos gols (Foto: Eduardo Moura/GloboEsporte.com)

Candidato a estreante nesta quarta-feira e treinando há 20 dias no Grêmio, o zagueiro Bruno Rodrigo foi apresentado oficialmente pelo clube gaúcho no fim da manhã desta terça, no CT Luiz Carvalho. O defensor concedeu entrevista e diz estar pronto para estrear contra o São Paulo-RS, às 21h45, no Aldo Dapuzzo, pela última rodada da fase de grupos do Gauchão. E quer ajudar mesmo no banco de reservas.

Bruno Rodrigo chega para ser a alternativa a Geromel e Kannemann, os titulares absolutos, algo buscado pelo Tricolor desde o início da temporada. O ex-jogador do Cruzeiro fez trabalhos físicos nas últimas semanas – foi contratado no início do mês, quando o Grêmio estava em vias de estrear na Libertadores, contra o Zamora, dia 9 de março. E agora busca ritmo.

– Estou pronto, fiz um trabalho físico no período. Quando o pessoal faz a pré-temporada, sente pelo ritmo, que não dá para treinar isso. Só com jogos. Mas acho que estou pronto para ajudar da melhor forma, independente se for 90, 40 ou 5 minutos. Ou mesmo do banco ajudando o pessoal incentivando, vou dar o meu melhor para ajudar o Grêmio – comentou o defensor.

Leia Mais
- Volante Maicon pode ser desfalque contra o Guaraní
- Hora da verdade! Grêmio recebe o Guaraní-PAR em duelo pela liderança
- Copa América 2019 será disputada em sete cidades brasileiras
- Justiça condena Grêmio a pagar dívida de R$ 3,1 milhões a goleiro Victor
- Leia mais notícias sobre Grêmio em www.futnet.com.br/gremio

Zagueiro com a bola aérea como característica marcante – chegou a ser apelidado de Cabeça de Míssil por Dedé no Cruzeiro, pelos gols marcados –, Bruno Rodrigo também analisou a concorrência com Geromel e Kannemann, os titulares, e também Thyere, que foi o substituto do primeiro nos últimos jogos e tem bom conceito com o técnico Renato Portaluppi.

– Excelentes jogadores, foi assim na Copa do Brasil ano passado. A equipe do Grêmio foi muito forte defensivamente, o Thyere também entrando bem, Bressan tem certa experiência, são jogadores quem vem mostrando o potencial há algum tempo. Chegamos para ajudar e vou dar meu máximo para que possa ajudar quando for exigido. O grupo vencedor se faz de disputas nas posições – explicou o zagueiro.

O camisa 14 já viaja com o elenco para Rio Grande, onde o time gremista enfrenta o São Paulo. A tendência é que já seja titular e faça sua estreia com a camisa do Grêmio ao lado de Thyere nesta quarta-feira – com o time já classificado, Renato vai poupar os titulares.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Grêmio