Publicada em 27/03/2017, às 09:51

Bota vence Bangu e entra na zona de classificação para semifinal do Carioca

Time, contudo, ainda não tem vaga na fase decisiva da Taça Rio. Joel e Sassá (de pênalti) garantiram resultado em Moça Bonita. Pimpão foi expulso no primeiro tempo

Joel comemora seu gol na vitória alvinegra ao lado de Pimpão, que acabou expulso, e Roger (Foto: Futura Press)

Diante de um time que só venceu uma partida nos dois turnos até agora, o Botafogo sofreu para vencer por 2 a 0, com gol de Joel em bola dividida e de Sassá, em pênalti sofrido por Fernandes aos 41 do segundo tempo. Rodrigo Pimpão colaborou para esse panorama de dificuldade com duas faltas duras e desnecessárias em menos de três minutos - quando a equipe já vencia no primeiro tempo. Recebeu dois amarelos e foi expulso. O resultado incluiu a equipe entre os quatro melhores na classificação geral. O Bangu teve uma chance clara com Loco Abreu no início da partida, mas pouco criou no restante, mesmo com um a mais em campo.

Com a vitória, o Botafogo empata em sete pontos com o Nova Iguaçu, derrotado neste sábado pelo Volta Redonda, mas fica na terceira posição do Grupo B por conta dos critérios de desempate na Taça Rio. Na classificação geral, porém, o clube conseguiu ultrapassar o Nova Iguaçu e ocupa agora a quarta posição - dentro da zona de classificação para a fase final do Carioca. O Bangu, com três derrotas e um empate na Taça Rio, é o lanterna do Grupo C. Na classificação geral, a equipe alvirrubra está na penúltima colocação.

Na próxima quinta-feira, o time de Jair Ventura enfrenta a Portuguesa no estádio Los Larios, em Xerém. Já o Bangu receberá o Macaé em Moça Bonita.

Leia Mais
- Em quatro meses, Botafogo iguala número de expulsões de 2016 e liga alerta
- Estado do Rio avisa que não tem prazo para definir o futuro do Maracanã
- Rodrigo Pimpão acerta renovação com o Botafogo até o final de 2019
- No dia do goleiro, Gatito pega pênalti e volta a ser decisivo para o Botafogo
- Leia mais notícias sobre Botafogo em www.futnet.com.br/botafogo

Logo aos quatro minutos, a zaga alvinegra cochilou e o Bangu partiu em contra-ataque pela esquerda com Guilherme. Ele cruzou para Loco Abreu, colocado atrás de Igor, cabecear livre na pequena área para grande defesa de Saulo. O lance serviu para acordar o time de Jair Ventura, que foi ao ataque. Aos 11, Pimpão cruzou um pouco acima da altura ideal para Joel, que finalizou livre, mas desequilibrado.

O Botafogo seguia com dificuldades na criação diante de um Bangu totalmente recuado. Mas, aos 19, Roger bateu forte da intermediária e Marcelo espalmou para o centro da área. Joel dividiu com a zaga e marcou seu primeiro gol com a camisa do Botafogo. Aos 35, Pimpão foi expulso - fez duas faltas duras e desnecessárias em um curto espaço de tempo. A partir daí, o Botafogo controlou o ritmo até o intervalo.

Com um a menos, Jair Ventura trocou Montillo por Fernandes. O Botafogo começou a tentar dominar as ações, com o Bangu buscando velocidade pelas laterais e jogo aéreo para chegar o empate. O jogo ficou truncado, sem chances claras para ambos os lados. Até os 17 minutos, quando Joel fez bela jogada, driblou um zagueiro e cruzou rasteiro para a área. O goleiro Marcelo conseguiu desviar com a ponta dos dedos antes da chegada de Roger.

Aos 21, Lindoso teve espaço para finalizar na entrada da área. Bateu colocado e sem direção. Jair Ventura então sacou Joel para entrada de Guilherme, e depois trocou Roger por Sassá. A partida ganhou em movimentação, mas pouco em qualidade. As chances continuavam escassas. Aos 38, Sassá fez tudo certo para Fernandes finalizar muito mal. Aos 40, o goleiro Marcelo fez pênalti em Fernandes. No minuto seguinte, Sassá cobrou e marcou: 2 a 0. Jogo decidido.

Fonte: GloboEsporte
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Botafogo