Publicada em 25/03/2017, às 11:58

Top 5: milagreiro e pegador de pênalti, Danilo elege melhores defesas no Inter

Herói na conquista do bi da Recopa Gaúcha, contra o Ypiranga, na última quarta-feira, goleiro escolhe seus milagres favoritos pelo Colorado, a convite do GloboEsporte.com

Danilo Fernandes defende pênalti na decisão da Recopa gaúcha (Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)

Danilo Fernandes dá um passo a frente, voa para espalmar e logo se ergue com os braços em riste, para convocar os companheiros para a festa. A cena retrata o protagonismo do goleiro, herói da conquista do bi da Recopa Gaúcha pelo Inter, após pegar dois pênaltis contra o Ypiranga. E passa longe de ser fato isolado. Os colorados estão mais do que acostumados com os milagres do arqueiro sob as traves, rotineiros até na campanha traumática do rebaixamento em 2016. E que ganham até um ranking, preparado pelo próprio camisa 1.

A convite do GloboEsporte.com, Danilo teve de cavocar na memória e matutar bastante para eleger seu top 5 de defesas, entre tantas que serviram para protelar a queda à Série B do Brasileirão na temporada passada. Entre pênaltis defendidos e elasticidade em milagres, o goleiro só não se compromete com a ordem de suas intervenções.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

– Assim, em cima da hora? Não sei a ordem. O pessoal é que decide a sequência – disse, o goleiro, aos risos, antes de eleger suas defesas mais difíceis.



>> Confira abaixo o top 5 de Danilo Fernandes, listadas abaixo em ordem cronológica:

PÊNALTI E VITÓRIA

>> Inter 1 x 0 Coritiba – 06/10/2016 – 29ª rodada do Brasileirão

Danilo seguiu com os milagres, rotina sempre que ocupa a meta do Inter. E até com defesas de pênalti. Contra o Coritiba, no Beira-Rio, o camisa 1 foi decisivo ao defender cobrança de Juan, quando a partida ainda estava 0 a 0. Depois, o Colorado chegou à vitória com gol de Vitinho.

– O pênalti contra o Coritiba aqui (no Beira-Rio) foi fundamental. Vai ficar marcado para sempre para mim e para a torcida. Depois, ainda conseguimos ganhar o jogo – ressalta o arqueiro.

REFLEXO PURO

>> Palmeiras 1 x 0 Inter – 06/11/2016 – 34ª rodada do Brasileirão

Entre tantos milagres, Danilo não conseguiu evitar muitas das 17 derrotas do Inter no Brasileirão. Mas certamente foi decisivo para evitar placares mais elásticos, como no 1 a 0 sofrido diante do Palmeiras, na Arena paulista. O Verdão venceu com placar magro, mas não por falta de criação ofensiva. Aos 44 do primeiro tempo, por exemplo, Vitor Hugo obrigou o camisa 1 rival a esbanjar reflexo para evitar o que seria o segundo gol palmeirense.

NA PONTA DOS DEDOS

>> Palmeiras 1 x 0 Inter – 06/11/2016 – 34ª rodada do Brasileirão

Ainda contra o Verdão, Danilo mostrou que a trave costuma "acompanhar" os bons goleiros. Até para ajudá-lo a parar Gabriel Jesus. Já aos 40 do segundo tempo, o atacante, hoje no Manchester City, saiu na cara do gol e tentou deslocar o goleiro, mas parou num tapinha na bola, que ainda tocou o poste.

– O jogo do Palmeiras também teve, lá na Arena, teve uma de cabeça do Vitor Hugo, e depois uma do Gabriel Jesus, que eu consegui pegar. Ele veio cara a cara, e eu peguei na unha – conta Danilo.

PÊNALTI EM VÃO

>> Fluminense 1 x 1 Inter – 11/12/2016 – 38ª rodada do Brasileirão

Danilo ainda voltou a ser decisivo no último capítulo da derrocada colorada rumo à Série B. O goleiro pegou pênalti de Richarlison aos 44 do primeiro tempo, numa intervenção que deveria servir para inflar o ânimo da equipe, em meio a uma atuação apática no Giulitte Coutinho... Em vão.

– Teve o pênalti do Fluminense. Eu defendi e falei: "hoje, vai". Infelizmente, aconteceu o que aconteceu. A defesa é muito importante. Pênalti é sempre muito importante de defender – afirma.

MILAGREIRO

>> Inter 1x0 São Paulo-RS – 18/03/2017 – 8ª rodada do Gauchão.

No Gauchão, até então, o Inter só conseguiu duas vitórias na competição. E se não fosse Danilo, certamente não teria conseguido nem isso. O arqueiro operou um verdadeiro milagre no triunfo de 1 a 0 sobre o São Paulo-RS, pela oitava rodada, no Beira-Rio.

O goleiro colorado garantiu os três pontos no último minuto de jogo. Aos 46, evitou o gol de Fred em lance de puro reflexo, em chute frontal, com muita força. O detalhe é que Danilo já havia evitado um gol, minutos antes, em chute colocado do próprio Fred.

– Estou ali para isso, para ajudar. Estamos ali para defender as bolas que às vezes não acreditamos, como nesta última. Peguei no reflexo. Poderíamos fazer um placar um pouco mais elástico – disse Danilo, na saída de campo.

>> SÃO JOSÉ X INTER - 10ª RODADA - CAMPEONATO GAÚCHO

Local: Estádio do Vale, em Novo Hamburgo
Data e horário: domingo, às 16h (Horário de Brasília)
Escalação provável do São José: Fábio; Bindé, Claudinho, Wagner e Dudu; Alberto, Felipe Guedes, Clayton, Claudio Maradona (Márcio Jonatan) e Rafinha; Paulinho
Desfalques do São José: Jô
Escalação provável do Inter: Danilo Fernandes; William, Léo Ortiz (Paulão), Víctor Cuesta e Uendel; Charles, Anselmo, D’Alessandro, Valdívia (Roberson) e Nico López; Brenner
Desfalques do Inter: Alemão, Carlinhos, Eduardo Sasha e Carlos
Pendurados do Inter: Junio e Léo Ortiz
Trio de arbitragem: Roger Goulart, auxiliado por Lúcio Beiersdorf Flor e André da Silva Bitencourt
Transmissão: A RBS TV transmite a partida para todo o estado, com Luciano Périco, Maurício Saraiva e Márcio Chagas da Silva. O Premiere transmite a partida para todo o Brasil. O GloboEsporte.com acompanha todos os lances do jogo em Tempo Real

Fonte: GloboEsporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Leia Mais
- Técnico do Inter se manifesta após resposta polêmica em coletiva: 'Fui infeliz'
- Questionado sobre atuação do Inter, Guto Ferreira dá resposta polêmica à repórter: 'Você é mulher. Não jogou'
- Inter vence o Luverdense no Beira-Rio com gol polêmico e encosta no G4
- Em busca de um atacante, diretoria do Internacional mira Grafite
- Leia mais notícias sobre Internacional em www.futnet.com.br/internacional

Mais sobre - Internacional