Publicada em 21/03/2017, às 14:23

Em alta, Ramiro diz não ter preferência por posição: "Sou funcionário"

Tricolor deixa a cargo de Renato definir o que precisará cumprir em campo

Ramiro já marcou três gols na temporada (Foto: Tomás Hammes/GloboEsporte.com)

Após um período no qual sofreu contestações, o volante Ramiro se redimiu com sobras no Grêmio. É um dos destaques do time de Renato Portaluppi neste início de temporada e já soma três gols marcados, além de uma assistência.

Volante de origem, Ramiro se destaca pela polivalência – já atuou improvisado na lateral direita. Com o treinador, atua mais aberto pela direita, na linha de três meias. Mas voltou a ser recuado no decorrer da partida contra o Veranópolis, no último domingo.

Com Maicon ainda fora de combate, Ramiro deixa a cargo do chefe escolher qual função terá que exercer. Para o volante, o importante é estar entre os 11.

Leia Mais
- Hora da verdade! Grêmio recebe o Guaraní-PAR em duelo pela liderança
- Copa América 2019 será disputada em sete cidades brasileiras
- Justiça condena Grêmio a pagar dívida de R$ 3,1 milhões a goleiro Victor
- Renato rebate colunista sobre fase do Grêmio: "Para de falar besteira"
- Leia mais notícias sobre Grêmio em www.futnet.com.br/gremio

– Eu não tenho preferência por posição. Meu intuito é ajudar o clube. Sou funcionário. Eu farei o que for pedido. Darei o meu melhor para buscar ajudar o Grêmio – ressalta.

Os bons números o impulsionam a manter o mesmo ritmo em campo. Na temporada, só não balançou mais as redes do que Miller Bolaños, autor de quatro gols.

– Fico feliz pelo momento que estou vivendo. Quero manter. Fico feliz com os resultados do Grêmio – concluiu o volante.

No embalo de Ramiro, o Tricolor volta ao gramado nesta quarta-feira. A partir das 21h45, enfrenta o Novo Hamburgo no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo, pela nona rodada do Gauchão. Os comandados de Renato estão em terceiro, com 13 pontos, enquanto o Anilado lidera o campeonato, com 18.

Fonte: GloboEsporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Grêmio