Publicada em 16/03/2017, às 09:23

Entenda por que a diretoria do Timão não rescinde o contrato de Cristian

Sem dinheiro em caixa, Timão prefere manter o jogador afastado e recebendo salário mês e mês ao invés de encerrar vínculo e pagar bolada. Clube tem luvas a cumprir

Volante Cristian não jogará mais pelo Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Apesar de ter afastado Cristian do Corinthians na quarta-feira, a diretoria afirmou que não pretende rescindir agora o contrato do volante, válido até dezembro.

O motivo é econômico: para interromper o vínculo, o clube teria que desembolsar algo próximo de R$ 10 milhões.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Só com salários de março até dezembro (mais décimo terceiro), o Corinthians teria que pagar cerca de R$ 5 milhões. Além disso, o clube ainda tem de acertar cerca de R$ 4,5 milhões de luvas ao atleta, que foram diluídas ao longo dos três anos de contrato do volante com o Timão.

Sem dinheiro em caixa no momento, o clube prefere seguir pagando o valor mês a mês do que dar uma bolada ao jogador de uma só vez.

Em conversa com a imprensa, o diretor de futebol Flávio Adauto explicou que a ideia inicial não é a de rescindir o vínculo. Por isso, ele passará a treinar em horários alternativos no CT.





– Essa é uma situação que envolve jurídico, pretensão do jogador, saber o que ele pensa. Não vamos botar a faca no pescoço de ninguém. Vamos respeitar o histórico dele e mantê-lo aqui. Cristian vai cumprir as novas regras. A única coisa diferente será o horário de treino – disse.

Em entrevista à TV Globo em fevereiro, Cristian reclamou da cobrança da torcida e da imprensa em relação ao seu salário, considerado um dos maiores do elenco.

– Na realidade ninguém sabe o que ganho ou deixo de ganhar, as pessoas que escrevem não sabem, já falaram R$ 600 mil, R$ 500 mil, R$ 750 mil, R$ 300 mil. Isso me perturba pelo fato de as pessoas não me conhecerem e não saberem como sou, acharem que faço corpo mole para receber. Estou com o maior salário do Corinthians? Estou com o que o Corinthians teve condições de me pagar, não é que ganho mais que todo mundo – disse, há cerca de um mês.

Veja as informações do jogo desta quinta:

Próximo adversário: Luverdense
Data e horário: quinta-feira, às 19h30 (de Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo
Escalação provável: Cássio, Fagner, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel; Jadson, Maycon, Rodriguinho e Romero; Jô
Desfalques: Balbuena, Marquinhos Gabriel, Vilson, Carlinhos e Danilo
Arbitragem: Paulo Schleich Vollkopf, auxliado por Eduardo Gonçalves da Cruz e Leandro dos Santos Ruberdo (o trio é do MS)
Tempo Real: GloboEsporte.com a partir das 18h30

Fonte: GloboEsporte
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Corinthians