Publicada em 15/03/2017, às 16:20

Gestores de clubes se reúnem em sala de aula para discutir o futuro do futebol brasileiro

Pós-graduação Excelência em Gestão do Futebol na FIA vai capacitar dirigentes de acordo com prêmio do gestão do Movimento por um Futebol Melhor

Gestão de Campeão foi lançado no fim do ano passado em São Paulo (Foto: divulgação)

Por um futebol brasileiro ainda mais forte, dirigentes de importantes clubes do país se reunirão em sala de aula para uma ação inédita, em busca de novas práticas que podem revolucionar o cenário nacional. Fred Luz, CEO do Flamengo, Gustavo Rössler Zanchi, CEO do Grêmio, Pedro Eduardo Silva Abad, presidente do Fluminense, e César Augusto Conforti, vice-presidente do Santos, são apenas alguns dos nomes que devem frequentar o curso, uma espécie de divisor de águas rumo à profissionalização do futebol brasileiro.

O Movimento por um Futebol Melhor lançou no fim do ano passado o Gestão de Campeão, um prêmio de gestão de excelência que vai destacar anualmente os clubes que tiverem as melhores práticas dentro e fora de campo durante a temporada. Porém, a iniciativa não pretende apenas apontar os melhores e piores dirigentes do país, mas também lavará alguns deles para um rico debate de experiências no ambiente acadêmico.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Nesse contexto, a FIA (Fundação Instituto de Administração), uma das maiores escolas de negócios do país e parceira do prêmio, desenvolveu a pós-graduação Excelência em Gestão do Futebol para capacitar os gestores do futebol de acordo com as competências apresentadas no manual da premiação. O programa do curso foca temas sensíveis ao cotidiano da gestão dos clubes, tais como: liderança, planejamento estratégico, negociações complexas, planejamento financeiro, gestão de marketing e vendas, análise de performance financeira e esportiva, ética no ambiente de negócios, entre outros itens inspirados no regulamento do Gestão de Campeão.

- Entendemos e nos aprofundamos nos pilares que sustentam nosso futebol, evoluindo em uma forma de medição de performance com métricas claras que dão visibilidade para as oportunidades e valorizam as boas práticas. A FIA como parceira no desenvolvimento do curso nos dará a oportunidade de estimular o intercâmbio de conhecimento e formar novos gestores para o nosso futebol - explica Sandro Leite, gerente de marketing esportivo da Ambev.

Com duração de 18 meses, a pós-graduação Excelência em Gestão do Futebol tem início programado para o primeiro semestre de 2017. As inscrições já estão abertas e os interessados – que já atuam ou pretendem atuar na gestão de clubes de futebol - devem possuir curso superior completo.



- O grande diferencial desse programa é que, além de aliar uma estrutura robusta de conhecimento e corpo docente de alto nível, com discussões absolutamente focadas na realidade do dia a dia dos clubes, ele verdadeiramente proporciona aos participantes o desenvolvimento de uma rede de relacionamentos de qualidade, uma vez que os clubes participantes já garantiram a presença de seus executivos - destaca Michel Mattar, coordenador da pós-graduação em Excelência em Gestão do Futebol na FIA.

Segundo Michel Mattar, coordenador da pós-graduação na FIA, com a edição do Regulamento de Licença de Clubes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que entrará em vigor em 2018, e a criação da Lei de Responsabilidade Fiscal no Esporte, o mercado de trabalho para gestores profissionais de clubes finalmente deverá se desenvolver no Brasil.

- A partir disso, a capacitação e o conhecimento passarão a ser um diferencial decisivo - conclui Mattar.

São Paulo, Ponte Preta, Santos, Flamengo, Fluminense, Botafogo, Cruzeiro, Atlético-MG, Grêmio, Internacional, Juventude, Bahia, Vitória, Goiás e Coritiba já aderiram ao prêmio de excelência do Movimento por um Futebol Melhor.

Fonte: LanceNet
Clique para ver a matéria no site fonte