Publicada em 14/03/2017, às 09:44

De volta ao alçapão: Flu aposta no aproveitamento no Giulite Coutinho

Contra o Criciúma, pela Copa do Brasil, Tricolor busca reencontrar bons resultados e força da torcida; números apontam desempenho positivo nos jogos durante a história

Torcida do Flu tem encontrado marcado no Giulite Coutinho com Abel e companhia (Foto: André Durão/Globoesporte.com)

O torcedor do Fluminense abraçou o Giulite Coutinho em 2016 e a resposta em campo foi positiva. Nesta temporada, porém, uma tempestade atrapalhou os planos do Tricolor, que deixou de ter o estádio como opção. Nesta quarta-feira a saudade acaba: a equipe de Abel Braga encara o Criciúma, às 19h30 (de Brasília), apostando na força - e nos números - do alçapão de Mesquita.

O Giulite Coutinho acabou sofrendo com a forte chuva momentos antes da virada do ano, que atingiu o município de Mesquita. O retorno acontece dentro do prazo previsto pela diretoria do clube responsável pela administração do estádio inaugurado em 2000. A relação entre o clube e o estádio vem desde o início do século. Ao todo já foram 29 jogos do Tricolor, com 16 vitórias, cinco empates e oito derrotas - um aproveitamento de 60,92%. A diferença no saldo de gols é significante: 69 marcados e 37 sofridos.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



O rendimento em 2016 foi ainda melhor, se comparado ao desempenho geral. Com apoio da torcida, que compareceu em bom números nos nove jogos do Fluminense como mandante no estádio, o aproveitamento foi de 62,9%: cinco vitórias, dois empates e duas derrotas. Existe, contudo, um pequeno jejum. O último triunfo veio no dia 1 de outubro, num 3 a 1 contra o Sport. Depois disso, derrota para o São Paulo (2 a 1) e empate em 1 a 1 com o Internacional pela última rodada do Brasileirão, que acabou rebaixando o clube do Rio Grande do Sul.

O duelo contra o Criciúma é válido pela terceira fase da Copa do Brasil, e o Flu tem vantagem. No jogo de ida, empate por 1 a 1. No Giulite Coutinho, empate em saldo e número de gols marcados fora de casa leva decisão para os pênaltis.

Fonte: GloboEsporte
Clique para ver a matéria no site fonte





Mais sobre - Fluminense