Publicada em 09/03/2017, às 17:16

Marcelo Cirino retorna aos treinos do Flamengo na próxima semana

Longa negociação com Internacional não tem desfecho positivo e atacante voltará treinar com restante do elenco rubro-negro na segunda-feira

Marcelo Cirino voltará na próxima semana (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Após semanas de uma negociação arrastada que terminou com a desistência do Internacional, Marcelo Cirino voltará aos treinamentos no Flamengo na próxima semana. Após o nascimento da filha, o Rubro-Negro permitiu que o atacante ficasse um pouco mais com sua família. Ele é aguardado a partir da próxima segunda-feira.

No começo da semana, o jogador foi inscrito na Libertadores pelo Flamengo. No mesmo dia, o Colorado confirmou o fim da negociação. Cirino foi liberado dos treinamentos no Ninho do Urubu enquanto aguardava o desfecho positivo, que não veio.
Por enquanto, o atacante está em Maringá, no Paraná, com a família desde então. Na semana passada, celebrou o nascimento de sua primeira filha, Flavia, ao lado da esposa.

O imbróglio com Internacional e Atlético-PR

Leia Mais
- Ser eliminado na Taça Rio pode ser vantajoso para o Flamengo. Entenda
- Zé Ricardo revela ter poupado Romulo e adianta força máxima contra o Vasco
- Flamengo passa pelo Bangu e garante vaga e vantagem na semifinal do Carioca
- Fla x Vasco: governo do DF promete esquema especial de segurança
- Leia mais notícias sobre Flamengo em www.futnet.com.br/flamengo

O imbróglio que envolvia a negociação com Atlético-PR, Flamengo e o grupo de investidores Doyyen se arrastava desde dezembro. Entre avanços e retrocessos, os dirigentes colorados adentraram o fim de semana motivados com novos desdobramentos a seu favor. Em entrevista após o Gre-Nal de sábado passado, o vice de futebol Roberto Melo disse estar "mais esperançoso".

No entanto, o último entrave na negociação ocorreu entre Inter e Atlético-PR. Mas envolvia outro jogador. Além de comprar 25% dos direitos de Cirino, o Colorado cederia por empréstimo o volante Eduardo Henrique ao Furacão. Os paranaenses desejavam um contrato de dois anos, mas os gaúchos pretendiam apenas um. O negócio acabou desfeito.

Fonte: GloboEsporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Flamengo