Publicada em 08/03/2017, às 15:06

Para Gatito, jogo no Paraguai o ajudou a voltar à seleção: "Ficou marcado"

Protagonista da classificação do Botafogo contra o Olimpia, em Assunção, goleiro foi convocado nesta quarta pelo técnico Francisco Arce para jogos das eliminatórias

Gatito Fernández foi convocado pelo Paraguai (Foto: Vitor Silva / SSpress / Botafogo)

Gatito Fernández está de volta à seleção paraguaia. O goleiro foi convocado nesta quarta-feira pelo técnico Francisco Arce para os jogos contra Equador e Brasil, pela eliminatórias da Copa do Mundo.

Destaque do Botafogo na Libertadores, o jogador acredita que atuação diante do Olimpia, em Assunção, há duas semanas, o ajudou a voltar a ser lembrado. Na ocasião, Gatito defendeu três pênaltis e ajudou o clube carioca a avançar à fase de grupos.
- Sem dúvida, ajudou. Todo o país viu e ficou marcado. Será muito bom voltar ao Defensores del Chaco agora novamente com a camisa do Paraguai - comemorou.

O goleiro também aponta a visibilidade do Botafogo e da Libertadores como fundamental para a convocação.

Leia Mais
- O novo e o velho: Jair, Abel e o duelo dos expoentes das últimas gerações
- Blindagem, fama na base e passos de Jefferson: quem é Saulo, o estreante?
- Botafogo apresenta balanço de 2016: dívida diminui, mas clube tem déficit
- Jair confirma a estreia de Saulo no Botafogo: 'Cresceu nos treinos'
- Leia mais notícias sobre Botafogo em www.futnet.com.br/botafogo

- Estou muito feliz em voltar a ser convocado para a Seleção de meu país. Quando acertei com o Botafogo, sabia que teria uma oportunidade de visibilidade com a Libertadores. Eu aprendi a sonhar desde criança, com meu pai, a defender as cores do Paraguai Agora é dar prosseguimento ao trabalho e melhorar a cada dia.

Por conta da convocação, Gatito Fernández vai desfalcar o Botafogo em três jogos do Carioca, contra Vasco, Fluminense e Bangu. Com Helton Leite machucado, Saulo deve ser titular nessas três partidas.

Fonte: GloboEsporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Botafogo