Publicada em 08/03/2017, às 09:36

Marquinhos Gabriel deve ter nova chance no Corinthians; veja motivos

Meia-atacante volta de lesão e, sem Romero, é testado entre os titulares. Mesmo que não enfrente o Luverdense, ele será útil: experiência e função tática são importantes

Marquinhos Gabriel pode ser opção na Copa do Brasil (Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

A comissão técnica do Corinthians deve dar novo voto de confiança ao meia Marquinhos Gabriel. Tratado como opção de velocidade no setor ofensivo, ele está próximo de ganhar chance com o técnico Fábio Carille – inclusive no jogo desta quinta-feira contra o Luverdense, em Cuiabá, pela ida da terceira fase da Copa do Brasil.

Sem Romero, com uma lombalgia, Carille indicou Marquinhos entre os titulares num trabalho de finalizações realizado pelo setor ofensivo.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Caso o paraguaio não se recupere a tempo, o meia-atacante terá sua primeira oportunidade depois de quase um mês longe da equipe. Carille tem o treino desta quarta-feira para definir.

Titular na derrota por 2 a 0 para o Santo André, em 11 de fevereiro, Marquinhos deixou o time por causa de um estiramento na coxa direita. Desde então, viu nomes como o próprio Romero e o garoto Léo Jabá ganharem espaço. Mesmo assim, dos medalhões do elenco, é quem tem mais créditos com Fábio Carille. Veja abaixo alguns dos motivos:

PRÉ-TEMPORADA
Dos quatro principais contratados na temporada passada, Marquinhos é quem teve melhor início em 2017 – foi bem no Torneio da Flórida e começou o Paulistão entre os titulares. A diretoria está de olho no desempenho dele e de Giovanni Augusto, Guilherme e Marlone – eles foram os reforços mais caros de 2016. A avaliação é de que os jogadores precisam dar uma resposta na atual temporada. Só Marquinhos, porém, continua em alta.





VELOCIDADE
Incisivo nas descidas ao ataque e linha de fundo, Marquinhos Gabriel tem características únicas no elenco: a velocidade com a bola nos pés e a capacidade de invadir a área para finalizar. Na visão da comissão técnica, Marlone e Romero, por exemplo, tem características um pouco diferentes do meia.

EXPERIÊNCIA
Com essa visão, o atual concorrente de Marquinhos Gabriel na posição seria Léo Jabá, recém-promovido, que ainda está em processo de amadurecimento no elenco profissional. Enquanto o clube não encontra um novo atacante de velocidade no mercado, Marquinhos pode ser boa alternativa para desafogar o jogo pelo lado esquerdo.

ESTILO TITE
A ideia de Carille é reproduzir parte do esquema tático de Tite no título brasileiro de 2015. Com a volta de Jadson, que vai jogar aberto pela direita, o Timão precisa de um jogador canhoto e veloz pelo setor oposto. Lembrou do Malcom? É Marquinhos quem tem estilo mais próximo ao do atacante revelado pelo Timão, hoje no Bordeaux, da França.

Fonte: GloboEsporte
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Corinthians