Publicada em 07/03/2017, às 21:06

Mais confiante após o gol, multiuso Wagner projeta maior evolução

Jogador atuou como volante em dois jogos e como um meia aberto pela esquerda em outros dois. Nesta quinta, ele pede que time seja "sábio e organizado" contra o Vitória

Wagner no treino do Vasco nesta terça-feira (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Wagner completou quatro jogos pelo Vasco no duelo com o Vila Nova, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil. Contra os goianos, o meia também marcou seu primeiro gol com a camisa cruz-maltina, o da vitória por 2 a 1, que deu a classificação para a terceira fase. Mais confiante, ele acredita que poderá mostrar uma evolução maior daqui para frente.

- Cada partida estou vendo uma evolução boa. No primeiro joguei 35, o segundo 45 e depois 90, e fazendo gol. Sempre dá confiança. Quero sempre fazer uma boa partida, ajudar, dar um passe para o centroavante - disse.

Contra o Volta Redonda e Portuguesa, Cristóvão Borges escalou Wagner como um segundo volante, ajudando na marcação e saída de bola. Nas duas últimas partidas, no entanto, ele atuou mais na função em que está acostumado, na ligação com o ataque, pelo lado esquerdo. O jogador disse estar pronto para desempenhar qualquer função que for determinada pelo treinador.

- É tranquilo, o Cristóvão sabe como pode me utilizar. Nas duas primeiras partidas, joguei como segundo volante. Contra o Flamengo e Vila Nova, fiquei pela ponta esquerda. Dependendo do adversário, ele sabe o que eu posso fazer. Para mim é tranquilo, não tenho vaidade de posição. O que quero é estar dentro e ajudando sempre.

Leia Mais
- Por isso é o 10! Nenê participa de 72 gols em 108 jogos pelo Vasco
- Vasco volta aos trabalhos para mudar panorama de 'visitante fácil'
- Douglas, do Vasco, entra no scout do Manchester City (ING)
- Gilberto cita preocupação do Vasco por pontos fora de casa no Brasileiro
- Leia mais notícias sobre Vasco da Gama em www.futnet.com.br/vasco

Nesta quinta, Wagner estará novamente em campo, desta vez para enfrentar o Vitória. Será seu segundo jogo em São Januário. Experiente, ele afirmou que o time precisa ser sábio e organizado para conseguir um bom resultado e encaminhar a classificação.

- Às vezes o confronto é decidido logo no primeiro jogo, mas temos que ter em mente que são 180 minutos. Precisamos ter organização, ser sábios e ter o controle. Assim que podemos chegar onde queremos, que é a final - disse.

Vasco e Vitória se enfrentam nesta quinta-feira, às 19h15, em São Januário. Até esta terça foram vendidos cerca de 2 mil ingressos para este duelo.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Vasco da Gama