Publicada em 06/03/2017, às 23:32

Kannemann tem contusão no ombro e será reavaliado; Maicon deve jogar

Zagueiro argentino sente problema após choque no Gre-Nal; em recuperação de um desconforto muscular, capitão passará por teste mas tem "99% de chance" de jogar

Kannemann tem contusão no Grêmio, e Maicon tem 99% de chances de jogar (Foto: Eduardo Moura/GloboEsporte.com)

O departamento médico do Grêmio trabalha forte às vésperas da estreia do Grêmio na Libertadores, na próxima quinta-feira, às 19h30, contra o Zamora, em Barinas. E não apenas para garantir a presença de Maicon, com desconforto muscular na panturrilha, em campo. Kannemann sofreu uma contusão no ombro, após choque no empate em 2 a 2 no Gre-Nal 412, no último sábado, na Arena, e também é alvo de cuidado especial dos médicos gremistas.

Os dois casos são conduzidos com otimismo. O capitão, ausente do clássico devido a uma "insegurança" pela dor, tem "99% de chances" de integrar a delegação rumo à Venezuela. Nesta segunda-feira, o gringo integrou apenas um trabalho na academia do CT Luiz Carvalho. Ambos serão reavaliados nesta terça-feira, data da viagem rumo à Venezuela.

– O Maicon teve um desconforto. Sem lesão. Foi sacado do Gre-Nal por uma insegurança. Será feito mais um teste amanhã (terça-feira). Ele tem 99% de chances de ser relacionado. O Kannemann teve uma contusão no ombro. Não preocupa. Será reavaliado, mas não preocupa. Preocuparia mais se fosse goleiro – afirma Rabaldo ao GloboEsporte.com.

Leia Mais
- Recuperação atrasa, e Beto da Silva deve ficar mais 30 dias fora no Grêmio
- São Paulo retoma liderança na média de público; Flamengo sobe no ranking
- Time reserva indica sequência de Léo Moura no meio e voltas de líderes
- Com traços de 9 e "entrega", Everton assume nova função no Grêmio
- Leia mais notícias sobre Grêmio em www.futnet.com.br/gremio

O capitão gremista sentiu o problema no treino da última quarta-feira, no CT Luiz Carvalho. Ficou fora do trabalho na quinta. Na sexta, começou o treino apenas correndo no campo. Depois, conversou com Rabaldo, com o técnico Renato Portaluppi e foi participar do recreativo normalmente. Na entrevista pós-treino, o treinador disse que não havia problema com o volante e que ele teria condições. Mas sentiu o problema no aquecimento. Desde então, segue em trabalhos fisioterápicos para integrar a delegação.

O Grêmio faz um último treinamento em Porto Alegre cedo da manhã desta terça-feira, no CT Luiz Carvalho. O embarque rumo à Venezuela está marcado para as 12h. O Tricolor estreia no Grupo 8 da Libertadores às 19h30 da próxima quinta-feira, em Barinas, contra o Zamora.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Grêmio