Publicada em 05/03/2017, às 10:48

Corinthians domina na Arena e vence o Santos, que liga o sinal de alerta

Timão foi superior durante toda a partida e venceu por 1 a 0, neste sábado. Peixe segue fora da zona de classificação do Paulistão e estreia na Libertadores na quinta-feira

Corinthians x Santos (Foto: Marco Galvão/Fotoarena/Lancepress!)

O Corinthians recebeu o Santos neste sábado após apenas três dias do jogo contra o Brusque, em Santa Catarina, enquanto o Peixe teve a semana cheia de preparação para o clássico. No entanto, parece que o Timão que teve mais tempo de descanso: domínio durante toda a partida e vitória por 1 a 0 na Arena, pela sétima rodada do Paulistão.

No reencontro do meia Jadson com o estádio alvinegro, o Corinthians se impôs desde os primeiros minutos. No habitual 4-1-4-1 do técnico Fabio Carille, o Timão pressionava no campo de ataque e obrigava o Santos a dar lançamentos.

Vladimir foi o protagonista do primeiro tempo. Ele salvou o Peixe três vezes, em chute de fora de Maycon, cabeceio de Balbuena e em desvio de Lucas Veríssimo após cruzamento de Romero. O goleiro, porém, não teve que trabalhar na melhor chance do Timão na etapa inicial, porque Jô escorregou e furou dentro da área.

Leia Mais
- Vitor Bueno faz gol, chora e comemora atuação após críticas: "Fui contestado"
- Renato admite problemas em empate, mas projeta evolução na "hora H"
- Fabuloso falha na busca pelo gol, mas não desanima: "Uma hora entra"
- Além de voltar a vencer, Ceni quer definir o São Paulo para as decisões

E o Santos? Apenas uma boa chegada com Kayke, que chutou sem força. Sem Renato, Lucas Lima e Ricardo Oliveira, a equipe não conseguiu infiltrar o sistema defensivo corintiano. Vitor Bueno atuou pelo meio e pouco pegou na bola. Faltava alguém que organizasse as jogadas santistas...

O intervalo foi um sonho para o Peixe. Mas logo no primeiro minuto, o pesadelo voltou: o Corinthians fez boa jogada pelo lado esquerdo, e Guilherme Arana cruzou para Jô, enfim, marcar de cabeça.

Mesmo em desvantagem e com as entradas de Longuine, Thiago Ribeiro e Rodrigão, o Santos seguiu inofensivo. O Corinthians ainda voltou a criar perigo pelos lados, mas pouco em relação à etapa inicial.

O técnico da Seleção, Tite, deve ter saído da Arena orgulhoso do seu pupilo Fabio Carille. O esquema 4-1-4-1 funcionou, Cássio praticamente só assistiu ao jogo e o Corinthians venceu. Agora, o Timão volta as atenções para a Copa do Brasil, pela qual visita o Luverdense, quinta.

Enquanto isso, Dorival Júnior sofre com desfalques e ainda testa opções, mas o Santos está fora da zona de classificação do Paulistão e estreia na Libertadores na quinta, contra o Sporting Cristal, no Peru. O alerta tem que estar ligado!

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 0 SANTOS
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data/ Hora: 04/03/17, às 18h30
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Auxiliares: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Daniel Paulo Ziolli (SP)
Público/ Renda: 36.111 pagantes/ R$ 1.991.856,80
Cartões amarelos: Gabriel, Jadson, Rodriguinho, Pablo (COR); Vladimir (SAN)
Gol: Jô, aos 2'/2T (1-0)

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Balbuena, Pablo e Arana; Gabriel; Jadson, Rodriguinho (Giovanni Augusto, aos 39'/2T), Maycon e Romero (Léo Jabá, aos 26'/2T); Jô (Kazim, aos 29'/2T). Técnico: Fábio Carille.

SANTOS: Vladimir; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Cleber e Zeca; Yuri (Rafael Longuine, aos 17'/2T), Thiago Maia e Vitor Bueno; Bruno Henrique, Copete (Rodrigão, aos 30'/2T) e Kayke (Thiago Ribeiro, aos 17'/2T). Técnico: Dorival Júnior.

Fonte: Lancenet
Clique para ver a matéria no site fonte

Últimas