Publicada em 02/03/2017, às 23:33

Com dois de Henrique, Cruzeiro vence a Caldense e segue na cola do rival

Em jogo que fecha a 5ª rodada do Mineiro, time celeste conquista a vitória e fica a dois pontos do Atlético-MG, líder do Estadual

Volante Henrique marcou os dois gols do Cruzeiro na vitória sobre a Caldense, pelo Mineiro (Foto: Agência I7/Mineirão)

O Cruzeiro segue em busca da liderança do Campeonato Mineiro. Na noite desta quinta-feira, no Mineirão, o time de Mano Menezes não teve trabalho para vencer a Caldense, por 2 a 1 (confira no vídeo acima), gols do volante Henrique, que marcou os dois da Raposa, contra um de Wellington Rato, e se manter na segunda colocação da classificação da tabela do Estadual, com 13 pontos. A Caldense, com apenas cinco, está em sétimo lugar.

Apesar do placar apertado, o jogo foi tranquilo para o Cruzeiro, que construiu a vitória no primeiro tempo e administrou a vantagem, com inteligência e sem correr riscos, no segundo. O público presente no Mineirão foi de 11.311 torcedores, com 9.328 pagantes e renda de R$ 185.701,00.

Na próxima rodada, o Cruzeiro enfrenta o América de Teófilo Otoni, no Estádio Nassri Mattar, domingo, às 16h (de Brasília). A Caldense volta a campo segunda-feira. Às 20h, recebe o Tupi, no Ronaldão, em Poços de Caldas.

O jogo

Leia Mais
- Fábio critica "haters" e fala sobre sondagem de rival: "Se fosse por dinheiro, já tinha saído"
- No Instagram, Fábio pede 'menos ódio' aos críticos
- Em jogo de reviravoltas, Cruzeiro busca empate no Mineirão e impede Grêmio de ser líder
- Fifa intima Cruzeiro a pagar dívida por Ábila, mas time promete recurso
- Leia mais notícias sobre Cruzeiro em www.futnet.com.br/cruzeiro

O começo da partida foi de muito estudo, com os times cautelosos em campo. A postura retrancada da Caldense chamou o Cruzeiro para o campo de ataque, o que fez com que o time da capital adiantasse a marcação. Com a paciência como aliada, o Cruzeiro fez dois gols e encaminhou a vitória, já no primeiro tempo. O volante Henrique viveu noite de atacante matador. Aos 31, ele se posicionou bem na cobrança do escanteio e abriu o placar. E, aos 37, aproveitou rebote do goleiro, após cabeçada de Manoel, para fazer o segundo e dar números finais ao primeiro tempo.

O panorama do jogo permaneceu o mesmo no segundo tempo. A ampla superioridade técnica do Cruzeiro não permitiu à Caldense tentar uma reação. O passar do tempo e a vitória praticamente assegurada fizeram com que o Cruzeiro tirasse o pé do acelerador e administrasse o resultado do primeiro tempo. Nos descontos, Wellington Rato deu um toque sutil sobre o goleiro Rafael para fazer o gol de honra da Veterana.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Cruzeiro