Publicada em 01/03/2017, às 16:06

Engrena? Vasco tenta encontrar armas para se firmar em 2017

Equipe da Colina preocupa ao não mostrar serviço com futebol convincente e vê atropelos no início de temporada. Mas tem boas razões para confiar em uma reação

(Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

O ano de 2017 começou recheado de desafios para o Vasco. A poucas horas de enfrentar o Vila Nova, pela segunda fase da Copa do Brasil, precisando vencer o jogo único no Serra Dourada, o Clube da Colina já lidou com uma série de problemas que deixaram a torcida com uma pulga atrás da orelha.

Porém, o técnico Cristóvão Borges tem algumas fichas para que a equipe supere os primeiros percalços da temporada. O LANCE! traz o panorama dos primeiros erros que vieram em 2017, e do que o Vasco ainda pode confiar.

OLHO ABERTO!

Leia Mais
- Vasco finaliza preparação para o clássico contra o Flamengo
- Elogiado por Milton, Jordi mostra confiança para 1º clássico contra o Fla
- Milton não espera facilidade no clássico: 'Encaramos como uma final'
- Novo capítulo: Eurico rebate Juninho Pernambucano em nota oficial
- Leia mais notícias sobre Vasco da Gama em www.futnet.com.br/vasco

LINHA DE MONTAGEM

O técnico Cristóvão Borges vem recebendo reforços com o Campeonato Carioca em andamento. Durante a Florida Cup (torneio de pré-temporada), a equipe tinha apenas Escudero como novidade. De lá para cá, chegaram Gilberto, Jean e Wagner. Luis Fabiano e 'Manga' Escobar ainda irão estrear, e há expectativa pela chegada de Bruno Paulista.

FUTEBOL DE MENOS CONTRA OS GRANDES...

No início do ano em que tenta se firmar na elite novamente, o Vasco já colecionou uma série de maus resultados contra adversários mais fortes. Logo na Florida Cup, a equipe foi goleada por 4 a 1 pelo Corinthians.

A estreia no Campeonato Carioca também foi para lá de amarga: o Fluminense sapecou um 3 a 0, iniciado após um pífio primeiro tempo vascaíno. Na semifinal da Taça Guanabara, veio novo revés: 1 a 0 para o Flamengo, em partida na qual equipe de Cristóvão Borges (precisando ganhar) não mostrou poder de reação.

TRANCOS E BARRANCOS

O primeiro ato do Estadual foi marcado por dramaticidade em alguns momentos. As vitórias sobre Resende, Bangu e Portuguesa aconteceram no sufoco, e a equipe amargou uma derrota por 1 a 0 para o Volta Redonda. Diante do Resende, o adversário saiu na frente e quase ensaiou uma goleada no primeiro tempo. Contra a Lusinha, não houve tanta pressão adversária, mas a equipe de Cristóvão Borges penou para liquidar o jogo.

SETOR DEFENSIVO

Outrora considerada uma das defesas mais fortalecidas do Rio de Janeiro, o setor vem passando por instabilidades. Luan não passa por uma boa fase, e Rodrigo tem oscilações. Há dificuldades para melhorar a marcação.

ACERTA O PÉ!

Aos poucos, a criação de boas jogadas vem começando a aparecer no Cruz-Maltino. Porém, há dificuldades para transformá-las em gol. A média de gols marcados está bem abaixo do esperado.

CARTADAS À DISPOSIÇÃO

HORA DE ENTROSAR

Equipe tem expectativa para se ajustar e encontrar fôlego na sequência da temporada. No primeiro semestre, ainda há a disputa da Copa do Brasil, além da Taça Rio e das semifinais para sonhar com o tricampeonato carioca. É o momento de treinar!

BUSCA POR ESTABILIDADE

Nomes como Jean, Gilberto e Kelvin se tornaram titulares rapidamente e têm mostrado atuações satisfatórias. Além disto, Douglas Luiz voltou do Mundial Sub-20 e está à disposição de Cristóvão Borges, o que pode fortalecer tanto a marcação quanto a ligação entre a defesa e o ataque.

VARIEDADE NO SETOR OFENSIVO

Além dos reforços ofensivos, há boas opções para o banco de reserva. Guilherme deu força e velocidade à equipe, Escudero teve boas atuações quando atuou no segundo tempo, e há Andrezinho como opção. Mais à frente, "Manga" Escobar ainda vai estrar.

FABULOSO NA ÁREA

Visto como grande reforço para 2017, Luis Fabiano deve estrear em até três semanas. O atacante pode ser a referência de área que passa confiança para o Cruz-Maltino, e chamar a torcida para São Januário.

Fonte: LanceNet
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Vasco da Gama