Publicada em 11/01/2017, às 09:02

Marcão da vez: novo assistente do Flu é amigo de Abel e jogou com Torres

Homônimo do ex-auxiliar técnico permanente é homem de confiança do treinador e foi formado nas categorias de base do clube na década de 80 com o gerente de futebol

Marcão e Torres, na fileira de trás da foto, em matéria da Placar após o título do Flu na Copinha de 1986 (Foto: Reprodução / Revista Placar)

O Fluminense anunciou na última segunda-feira uma cara nova em sua comissão técnica. No mesmo dia, o clube demitiu e oficializou Marcão. Explica-se: o ex-volante deixou o clube após três anos na função de auxiliar técnico permanente. Já Marco Aurélio Arantes Salgado, também conhecido como Marcão, assumiu o cargo de assistente técnico. Homem de confiança do comandante Abel Braga, ele será uma espécie de braço direito do gerente Alexandre Torres no departamento de futebol. A dupla, aliás, jogou junta no Flu na década de 80.

- É uma emoção muito grande estar de volta. Diria que é a realização de um sonho. Cheguei em Xerém em 1984 e o Alexandre Torres foi meu companheiro de categorias de base na época. Saí em novembro de 1988, quando fui jogar no Braga-POR. É um carinho muito grande, impossível esquecer. O próprio Leomir (auxiliar técnico) conheço bem. Nos conhecemos em Portugal, quando ele também jogava lá e era treinado pelo Abel Braga. Foi ali que conheci o Abel, com quem trabalhei no Internacional há dois anos - disse Marcão ao site oficial do Fluminense.

Por mais que a nomenclatura do cargo seja parecida, a função exercida por cada Marcão é diferente. Enquanto o auxiliar trabalhava em campo e até assumia o time em caso de demissão do treinador, Marco Salgado assumiu o cargo de assistente e terá função mais administrativa ao lado de Torres. O filho do Capita e o novo Marcão do Flu foram revelados pelas categorias de base do Tricolor e fizeram parte do elenco campeão da Copa São Paulo de Juniores de 1986.

Leia Mais
- Henrique Dourado comemora retorno aos gramados e se diz pronto para o Fla-Flu
- Estado do Rio avisa que não tem prazo para definir o futuro do Maracanã
- Osvaldo se despede do Flu; Abel classifica saída como 'boa para todos'
- Abel Braga revela assédio, mas faz elogios e garante Maranhão e Daniel
- Leia mais notícias sobre Fluminense em www.futnet.com.br/fluminense

A dupla foi tema de uma reportagem da revista "Placar" ao lado de outros cinco jovens do Flu em abril daquele ano. Marcão era atacante e marcou nove gols em 21 jogos pelos profissionais. Quase 31 anos depois, tentam juntos da melhores condições para que a comissão técnica e o elenco tenham sucesso em 2017.

- Recebi o convite do Torres para vir auxiliá-lo a gerir esse grupo do Fluminense fora de campo, para que o trabalho transcorra da melhor maneira possível. Esperamos dar as melhores condições para comissão, todos os departamentos e jogadores. Fiquei muito feliz pela confiança e espero que seja o início de uma nova grande história aqui no clube.

Fonte: GloboEsporte
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Fluminense