Publicada em 11/01/2017, às 20:43

Cabral quer 2017 sem dores e com evolução tática: "Acredito em mim"

Volante do Cruzeiro conviveu com problemas no joelho no final do ano passado

Ariel Cabral diz que pode melhorar muito com a confiança de Mano (Foto: Gabriel Duarte)

O volante Ariel Cabral espera um ano de conquistas e títulos com a camisa do Cruzeiro. Mas também espera uma temporada sem dores. No final de 2016, o argentino conviveu com dores no joelho, e teve que suportá-las para estar em campo. O primeiro objetivo de Ariel, em 2017, é fazer uma boa pré-temporada para não ter nenhum tipo de contusão ao longo do ano.

- Se Deus quiser, a gente vai estar sem nenhum problema muscular. Temos que estar preparados. Pessoalmente eu acredito em mim. Ano passado acabei o ano com dores diferentes no joelho, mas jogava igual. Isso é o que a gente quer mudar. Estar bem fisicamente para quando o Mano me colocar em campo, estar preparado.

Para ter um desempenho acima do que teve nas duas últimas temporadas, Ariel Cabral acredita que precisa estar 100% fisicamente.

Leia Mais
- Com nome no BID, Caicedo já tem condições de estrear pelo Cruzeiro
- Mayke promete mudanças para 2017 e promete títulos ao torcedor
- Torcida do Cruzeiro homenageia Geovanni com placa e bandeira
- ‘A CBF entendeu que nossa intenção não é política’, diz CEO da Primeira Liga
- Leia mais notícias sobre Cruzeiro em www.futnet.com.br/cruzeiro

- Eu sei que posso melhorar muito, posso me entregar fisicamente, taticamente e evoluir muito. A confiança do treinador é boa. Ele confia em mim e eu tenho que demonstrar isso no campo. Temos jogadores de qualidade para jogar no time principal.

O fato de já começar o ano com muitos jogos - podem ser até 10 em 31 dias - não preocupa o volante argentino. Ele acredita que o elenco do Cruzeiro é forte o suficiente para suportar qualquer maratona.

- Não preocupa. Acho que o time está trabalhando fisicamente e taticamente, misturando todos os trabalhos. A pré-temporada é muito importante. Fazemos muito físico e trabalho com bola. Não teremos problemas com tantos jogos. Nosso time é bom. Com os jogadores que chegaram estamos muito bem.

Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte

Mais sobre - Cruzeiro